Mesmo com o time fazendo de tudo pra ficar de fora do G-6, os adversários ainda nos deixam na briga

A equipe do Fluminense vem fazendo de tudo que pode para ficar de fora do G-6, mas os nossos adversários insistem em deixar a torcida sonhar e continuar a fazer às contas.

Após o empate em casa diante do Atlético-Pr, o sentimento de grande parte da torcida era de que a chance de vaga no G-6 tinha acabado na terça feira. No entanto, após a derrota do Botafogo para a Chapecoense (0x2) e o empate entre Figueirense e Corinthians (1×1), mantém viva as chances do Fluminense entrar na zona de classificação para a próxima libertadores. Até porque, na próxima rodada o jogo mais fácil na teoria é o do Fluminense, que vai até campinas encarar a Ponte Preta, o Botafogo que ocupa a quinta colocação, visita o líder Palmeiras. Já o Atlético-Pr atual sexto colocado vai até São Paulo enfrentar o Corinthians em um confronto direto pelo G-6.

Porém isso tudo é apenas teoria, na prática o que vemos é um time do Fluminense sem nenhuma vontade em campo, à ponto de o time conhecido como “Time de guerreiros”, deixar o campo do Maracanã ao som de “Time sem vergonha”. Vamos ver e torcer para o espírito do “Time de guerreiros” voltar no próximo final de semana e que o time conquiste essa vaga, que é a mais fácil da história da libertadores.
Não pelo time, que é horroroso, mas sim pela torcida que tem feito de tudo para empurrar esse time que é um dos piores que já vi com a camisa tricolor alcance essa vaga.

ST,
Douglas Wandekochen

Foto: Celso Pupo