Paulo Autuori traça perfil de reforços e fala em ‘negociações bem adiantadas’

A pausa entre a eliminação no Campeonato Carioca e o início da Sul-Americana, dia 11, serve para Abel Braga corrigir erros do time e para a diretoria oferecer mais opções ao técnico. Nas Laranjeiras, segundo Paulo Autuori, fala-se em três reforços – além de João Carlos, ex-Cabofriense, por detalhes de ser anunciado.

– A gente definiu: um zagueiro canhoto; um meia, pelo centro ou por fora; e um atacante, de centro. São jogadores que vão vir para formar um grupo. Precisamos de qualidade e quantidade para arredondar esse grupo – avalia.

Além de dispor de poucas peças, o elenco sofre com excesso de juventude. A maioria veio de Xerém ou está dando os primeiros passos na elite do futebol. A falta de jogadores que chamem a responsabilidade e conduzam a garotada prejudica e foi crucial, por exemplo, na derrota para o Vasco, por 3 a 2, que culminou na despedida do Estadual. Autuori, portanto, traça o perfil ideal de contratações e põe a experiência como principal característica.

– A aposta é em jogadores com perfil de experiência e de vitória. Aqueles que saibam lidar com momentos como o do final de jogo do Vasco. Os nomes que virão serão unanimes? Não. Então, quero deixar a mensagem do quão difícil será a temporada. Mas apostamos no trabalho, por isso, não nos assustamos pois o nosso chão treme todo o dia – declara o diretor-esportivo, que continua:

– Existem negociações bem adiantadas. Estrategicamente, não sou demagogo de falar o nome. A privacidade é fundamental. Os grandes clubes são aqueles mantém em sigilo e adotam essa estratégia até o momento de sentar e dizer que está certo. Posso assegurar que vão vir jogadores, sim. Alguns estão bem próximos de poderem ser anunciados.

Saudações Tricolores,
Nicholas Rodrigues.