fbpx

CEO planeja usar Maracanã como “casa” Tricolor em 2018

Para isso, segundo o dirigente, será necessário uma média de 18 mil torcedores por jogo.

O CEO Tricolor, Marcus Vinicius Freire revelou que planeja usar o Maracanã como a “casa” do Fluminense ao longo da temporada 2018. Contudo, de acordo com Freire, é necessário que o torcedor Tricolor comparece aos jogos no estádio, onde a diretoria conta com uma média de 18 mil torcedores por jogo, para que o Fluminense não tenha prejuízo com os custos do estádio.

– Temos o interesse do Maracanã ser nossa casa, mas, para isso, não podemos ficar pagando para jogar. Temos trabalhado muito nesse item para, junto com o Maracanã, achar a melhor saída. Para o jogo ser acima do 0 a 0 na parte financeira, precisamos ter, ao menos, 18 mil torcedores – destacou o dirigente.

Ainda de acordo com Freire, o preço do ingresso para a estreia do time na Copa Sul-Americana, na próxima quarta-feira (11) já está definido:

– Para quarta, o preço definido está em R$ 50. Vamos usar a configuração que temos pensando no melhor para a redução de custo e aumento de receita – completou Freire.

Vale destacar que o Fluminense já vem utilizando como medida para diminuir os custos da operação, abrir apenas a parte inferior do estádio, esquema que deve continuar sendo utilizado para a estreia da Sul-Americana.

 

ST,

Douglas Wandekochen

Foto: Divulgação
Fonte: Lance !

 

Top