Na LDU, Orejuela fala de amizade com Abelão e se atualiza sobre o Fluminense

Foi pouco tempo vestindo a camisa do Fluminense, mas o suficiente para Orejuela, de 25 anos, se tornar fã do clube. De volta ao Equador, seu país-natal, para acompanhar a saúde da mãe, o volante confessa estar desatualizado sobre o que acontece nas Laranjeiras. Conta, no entanto, com os ex-companheiros para estar à par da nova fase do time.

Na verdade, não estou conseguindo acompanhar. Mas sempre busco manter contato com meus ex-companheiros, e eles falam que o time está bem, está ganhando. Fico muito feliz com isso – afirma.

Compatriotas, Orejuela e Sornoza, apesar da distância, mantêm a amizade construída ainda no Independiente Del Valle. Além do camisa 10 do Fluminense, mais alguns tricolores, certamente, estão na lista de conversas do WhatsApp do jogador da LDU.

Falo também com o Douglas, com o Reginaldo, que agora foi para a Ponte Preta. Matheus Norton, Frazan, Wellington Silva, que está no Inter. São jogadores muito legais, com quem criei uma amizade muito forte – revela.

Comandando por Abel Braga no ano em que esteve no Rio, Orejuela destaca a relação amistosa com o treinador e aprova a experiência de trabalhar com uma figura vencedora do futebol.

Gostei muito. É um cara que sabe muito, um grande treinador. Minha amizade com ele foi muito boa e sempre nos falamos.

Saudações Tricolores,
Nicholas Rodrigues.

Fonte: Globoesporte.com.

FluFest 2018: clique aqui e garanta sua presença na festa de 116 anos do Fluminense!