fbpx

Convocados se ausentam de reunião extraordinária do Conselho Deliberativo

A reunião extraordinária do Conselho Deliberativo, pedida por um grupo de conselheiros e ocorrida nesta terça-feira, no Salão Nobre de Laranjeiras, ficou marcada pelo protesto de cerca de 60 torcedores, em frente à sede. Mas seu objetivo era dar voz a Marcus Vinícius Freire (ex-CEO e notificado do encontro antes de ser demitido), Rogério Romano (área social), Lawrence Magrath (marketing) e Fernando Simone (assessor especial da presidência), para que pudessem prestar esclarecimentos sobre suas respectivas áreas.

O grupo, porém, se ausentou, e as justificativas ficaram a cargo de Cláudio Barçante, tesoureiro, que representou o Conselho Diretor. Além de falar que, por serem funcionários do clube, os profissionais não poderiam ser expostos, leria um texto explicando detalhes do veto à presença dos convocados. Contudo, foi interrompido, por várias vezes, por questões de ordem.

Os conselheiros da Flusócio e dos Esportes Olímpicos, grupos políticos de situação, também foram recomendados a ficar de fora da reunião. Explica-se: entendiam que a assembleia visava desestabilizar a gestão.

Saudações Tricolores,
Nicholas Rodrigues.

Fonte: Globoesporte.com

FluFest 2018: clique aqui e garanta sua presença na festa de 116 anos do Fluminense!

Top