fbpx

Júnior Dutra aprova concorrência no Fluminense e se dispõe a enfrentar o Sport

Treinando com o elenco desde quarta-feira, Júnior Dutra, regularizado no BID, se vê apto a enfrentar o Sport, domingo, na Ilha do Retiro. Aos 30 anos, o atacante, emprestado pelo Corinthians – que pagará 50% dos salários – até o fim da temporada, foi apresentado nesta sexta-feira e quer estar na lista de relacionados que viajam logo mais para Pernambuco.

– Eu preciso conversar com o Marcelo. Eu não estava parado. É questão só de ritmo, de entrosamento. Se ele optar por mim, acredito que sim – disse, sobre estrear neste fim de semana.

https://www.instagram.com/p/BlY9CwYgPzF/?hl=pt&taken-by=oficialjuniordutra

Dono da camisa 11, Dutra pretende deixar para trás a passagem apagada pelo Parque São Jorge, onde estava há só sete meses, depois do sucesso no Avaí, em 2017. Ele se disse convencido a mudar de ares em razão, principalmente, das ideias propostas por Marcelo Oliveira.

– São dois grandes clubes. Corinthians tem grandes jogadores, como aqui. O projeto do Marcelo foi bem importante para mim. Uma nova oportunidade, mudar um pouco. Estou muito feliz. Independentemente do tempo de contrato, venho inteiro para o Fluminense. Vou viver cada dia muito intensamente – afirmou.


Confira mais respostas de Júnior Dutra:

Estilo de jogo

– Eu gosto de jogar mais pelos lados, vindo de trás. Onde consigo atuar melhor é nessa posição, como segundo atacante. Mas onde o Marcelo precisar de minhas características, vou fazer meu melhor pelo Fluminense.

Concorrência com seis atacantes

– Estou focado no Fluminense. Tem um grupo bom, de bastante qualidade. Brasileiro é disputado, então é bom ter essa concorrência.

Pedro

– Pedro está em um grande momento. Artilheiro nato. Temos características diferentes. Ele é mais de pivô, eu sou mais de velocidade, transição.

Onde o Fluminense pode chegar em 2018?

– O time do Fluminense é um time de tradição. Não pode pensar pequeno. Gostei bastante do que vi no jogo ontem. Com algumas peças chegando, a ideia é elevar ao máximo a posição do Flu. Brigar entre Sul-Americana e Libertadores.


Saudações Tricolores,
Nicholas Rodrigues.

 

 

Top