fbpx

Flu não cumpre acordo de rescisões e vê dívida crescer

Valor que já supera os R$5 milhões pode ficar ainda maior.

Ao anunciar as rescisões de contrato de Cavalieri, Marquinho, Higor Leite, Robert e Arthur no final de 2017, a diretoria do Fluminense almejava gerar um lucro aos cofres do clube, porém, depois de descumprir o acordo feito com os atletas, a cobrança foi parar na justiça e o que era pra ser um alívio se tornou em mais dívida.

Descontentes pelo não cumprimento do acordo por parte do clube, os atletas procuraram seus direitos na justiça para receberem o valor com multa, juros e à vista.

Desta forma, de acordo com o portal Globoesporte.com, a dívida do clube já aumentou em pelo menos R$5 milhões, com chances de crescer ainda mais.

Ainda de acordo com o portal, o lateral Wellington Silva, dispensado no início de 2017,  também se encontra na mesma situação pode tomar o mesmo caminho dos ex companheiros.

 

foto: Lucas Merçon

Top