Fluminense inclui Caique, ex-Guarani, em projeto de aspirantes

No ano que vem, o Fluminense deve inaugurar um projeto para maturação de jogadores, encabeçado por Paulo Angioni. Trata-se de um time de aspirantes, onde jogariam aqueles que deixaram o juniores e ainda brigam por espaço no profissional. Aliás, é pensando nessa ideia que o clube assinou, em novembro, um pré-contrato com o centroavante Caique, ex-Guarani. Sua vinda, porém, é incerta, principalmente por conta da condição física – ele sofria de pubalgia.

– A questão do Caique sempre foi pensando no time de aspirantes. Nunca para o profissional. Caique entraria nesse processo. Mas, lamentavelmente, as coisas vazam e prejudicam tudo porque não foi esclarecido antes. Aí está o erro. Haveria uma outra compreensão do caso e as críticas seriam menores, diferente de ”ele não joga nada” e ”era reserva do Guarani” – disse Angioni.

Aos 25 anos, Caique não deslanchou na carreira e, na temporada passada, foi reserva. Mesmo assim, agradou ao departamento de scout do clube. Ricardo Corrêa, chefe do setor, foi quem o indicou.

– Às vezes, tem um jogador assim, que o monitoramento acredita demais. Aí trazemos para essa equipe de transição, não para o profissional, porque precisa ser visto maturando mais um pouco, apesar da idade. O nosso scout acredita muito no Caique, um jogador de uma posição (camisa 9) carente no mercado.

Saudações Tricolores,
Nicholas Rodrigues.

Fonte: Globoesporte.com.