fbpx

América-MG cobra dívida por Richarlison, e Fluminense tem contas bloqueadas

Richarlison é pivô de um processo movido pelo América-MG, que o revelou, contra o Fluminense. Os mineiros cobram R$ 7,2 milhões, valor referente a uma parcela da venda do atacante ao clube carioca, no fim de 2015, e que deveria ter sido pago em agosto. A decisão judicial, divulgada nesta quarta-feira, é desfavorável ao Tricolor, que teve suas contas bloqueadas, em juízo, para ressarcimento ao Coelho.

São Paulo, que comprou Léo Pelé, e Corinthians, que acertou com Richard e Sornoza, têm quantias a pagar ao Fluminense e foram comunicados pelo América-MG sobre o bloqueio. Até mesmo os direitos de transmissão que caírem em contas tricolores serão retidos para saldar a dívida.

Rebaixado para a Série B, o Coelho conta com o valor que lhe é devido para planejar a próxima temporada. Segundo o presidente Marcus Salum, houve encontros entre as duas diretorias, na tentativa de um acordo amigável, mas as promessas jamais foram cumpridas.

– O presidente do Fluminense veio três vezes a BH, falando que ia pagar, ia pagar, ia pagar… E não pagou. Nos atrapalhou muito no final – disse, lamentando o orçamento reduzido em 2018.

Richarlison, hoje, defende o Everton, da Inglaterra, depois de um começo arrasador com a camisa do Watford, também da Premier League. Ele, inclusive, vem conseguindo seu espaço na Seleção.

Saudações Tricolores,
Nicholas Rodrigues.

Fonte: Globoesporte.com.

Top