fbpx

Contra o Botafogo, Fluminense busca melhorar retrospecto em clássicos no ano

Em 2019, Tricolor já enfrentou rivais sete vezes e venceu apenas uma

Foto: Vitor Silva / SSPress / BFR

Com a chegada de Fernando Diniz para esta temporada, o Fluminense passou por uma reformulação em seu estilo de jogo. Além disso, trouxe reforços de peso, como Paulo Henrique Ganso, e outros que chegaram e assumiram a titularidade, como Caio Henrique e Yony González, por exemplo. A melhora do time é visível, mas os resultados ainda não concretizam o bom trabalho que o treinador vem fazendo. Principalmente nos clássicos.

Em 2019, o Tricolor das Laranjeiras já enfrentou seus rivais regionais sete vezes, tendo vencido apenas uma. De resto, foram dois empates – um deles com o Botafogo -, e quatro derrotas, duas para o Vasco e duas para o Flamengo. Neste sábado (11), o Fluminense terá a chance de melhorar esse retrospecto, pois enfrenta o Alvinegro às 16h (de Brasília), no Maracanã, pela quarta rodada do Campeonato Brasileiro.

Para esta partida, Diniz terá os desfalques de Airton e Bruno Silva, titulares no meio de campo tricolor. Em contrapartida, o treinador terá o retorno de Ganso, que pode até começar jogando. Outro nome de peso que pode aparecer entre os titulares é do artilheiro Pedro. Autor de dois gols desde que retornou aos gramados, o centroavante é cotado para iniciar o duelo contra o Botafogo. Porém, a dúvida que paira sobre a cabeça do comandante é em relação aos substitutos dos dois volantes, que ficam de fora por lesões.

No ano passado, Fluminense e Botafogo se enfrentaram duas vezes pelo Brasileirão. No primeiro turno, em duelo realizado no Nilton Santos, o Alvinegro triunfou por 2 a 1. Já no segundo, no Maracanã, o Tricolor venceu por 1 a 0. Naquela partida, Rodolfo, atualmente titular no Flu, substituiu Julio César no decorrer do jogo e defendeu um pênalti crucial para a vitória da equipe.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Top