fbpx

Ganso analisa duelo com o Atlético Nacional e rasga elogios ao Fluminense: “Me sentindo em casa”

Camisa 10 tricolor também avaliou o início de sua passagem pelo clube das Laranjeiras

Foto: Lucas Merçon / FFC

Nesta quarta (22), véspera da partida contra o Atlético Nacional, pela Copa Sul-Americana, Paulo Henrique Ganso concedeu entrevista coletiva no CTPA. Completando quatro meses no Fluminense, o camisa 10 ainda oscila um pouco no desempenho, mas vem mostrando jogo a jogo que busca atingir sua melhor forma. O que de acordo com ele não é o bastante para ficar satisfeito. Perguntado sobre essa primeira parte de sua passagem no Tricolor e o que precisa para ganhar “nota 10”, o meia afirmou que levantar uma taça de campeão é o ideal.

“É difícil. Eu deixo para vocês analisarem. Satisfeito? Não dá para ficar satisfeito. Eu fiquei contente quando a gente venceu. Falta ser campeão. Na hora que a gente for campeão, aí a nota será 10”.

Ganso também fez questão de agradecer a recepção e o carinho que vem recebendo da torcida desde que os rumores sobre sua vinda começaram.

“Estou me sentindo em casa, fui muito bem recepcionado. O carinho do torcedor tem sido excepcional. Temos de fazer o Fluminense ter grandes jogos e vencê-los. Penso nisso para retribuir”.

O meia projetou o duelo com o Atlético Nacional, que acontece nesta quinta (23), às 21h30, no Maracanã. De acordo com ele, é extremamente importante conquistar um bom resultado dentro de casa. Além disso, o camisa 10 tricolor relembrou as características do técnico Paulo Autuori, com quem trabalhou nos tempos de São Paulo.

“Eu espero que a gente possa fazer um grande resultado aqui no Maracanã. É uma equipe que sabe jogar esse tipo de competição. Será um jogo duro. Realmente, o momento deles não é bom. Temos de estar atentos para não dar brecha a eles na nossa casa”.

“O pouco tempo que a gente trabalhou deu para ver que ele cuida do vestiário, protege muito os jogadores. Isso pode ter feito a diferença para seguir no comando. Acredito que os jogadores devem ter falado com ele para continuar. Então, a nossa atenção tem de ser maior ainda”.

Por fim, Ganso analisou a evolução que vem tendo dentro de campo desde sua chegada. Para ele, é importantíssimo buscar melhorar cada dia mais.

“Sempre vai faltar alguma coisa. Em todo o jogo, sempre vai faltar melhorar e evoluir em alguma coisa. A gente sempre procura fazer isso nos treinos, nosso time é muito jovem. Temos de fazer isso, até no nosso estilo de jogo”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Top