fbpx

Súmula registra expulsão de Diniz em Bahia x Fluminense

Indignado com jogada que originou pênalti para o Bahia na Arena Fonte Nova, nesse domingo, Fernando Diniz entrou em campo após o fim do jogo, vencido pelos donos da casa por 3 a 2, para reclamar com o juiz Igor Junio Benevenuto.

Já advertido com cartão amarelo, o comandante levou vermelho, segundo registrado em súmula, por dizer que “foi falta clara no meu jogador. Um absurdo você (árbitro) não checar. Eu posso entrar em campo e reclamar, sim. É meu direito, você é obrigado a me ouvir. Você agora está satisfeito com o que você fez?”.

– No lance na minha frente, eu questionei que teve falta claríssima no Pedro antes. Agora, com essa nova regra de cartão amarelo e cartão vermelho, não tem mais conversa. Vamos ter que nos acostumar com isso. Eu disse que foi falta clara no Pedro. E nessa falta gerou o gol do Bahia. Se a relação do árbitro com os treinadores for essa, vai muita gente expulsa. Não teve desrespeito. Só falei que o amarelo foi totalmente exagerado – explicou, sobre a adversário ainda com a bola rolando.

Fernando Diniz recebeu cartão vermelho — Foto: Reprodução

Dada a expulsão, o treinador não poderá comandar o Fluminense à beira do campo no duelo do próximo domingo, contra o Athlético-PR, na Arena da Baixada. Ele já havia tomado um amarelo na derrota por 1 a 0 no Clássico Vovô do dia 11 de maio.

Saudações Tricolores,
Nicholas Rodrigues.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Top