fbpx

Celso Barros confirma Diniz, mas admite haver cobrança com o treinador

Vice presidente geral e homem forte do futebol do Fluminense, Celso Barros concedeu coletiva na tarde desta terça-feira (13) após o treinamento do grupo no CTPA (Centro de Treinamento Pedro Antônio), e esclareceu alguns fatos, principalmente a cerca de permanência do técnico Fernando Diniz.

De acordo com Barros, o clube não procurou nenhum nome para substituir o atual treinador:

– Surgiu um rumor de que havíamos procurado o Mano, que é meu amigo, o Dorival e até mesmo o Abel. Isso não procede – afirmou o dirigente.

Celso no entanto, deixou claro o desconforto com a atual situação do clube na temporada, e admitiu haver cobranças não só para com o treinador, como também para o grupo de jogadores:

– Não vou dizer aqui que ele está prestigiado porque isso não existe. O dirigente fala que o treinador está prestigiado e ele cai no dia seguinte. O que posso dizer é que o Diniz é o treinador do Fluminense. Mas ele está sendo cobrado, assim como os jogadores também são e até nós da diretoria somos, pelos torcedores. Os resultados são importantes – disse Celso Barros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Top