fbpx

Comentarista de arbitragem vê penalidades não marcadas em favor do Flu

Foto: Reprodução/Vídeo

O resultado de 1 a 0 do CSA diante do Fluminense na tarde deste domingo (18), no Maracanã, poderia ter sido diferente.

De acordo com o comentarista de arbitragem Sandro Meira Ricci, aconteceram dois pênaltis na partida a favor do Flu e, ignorados pela arbitragem.

Segundo o ex árbitro, Leandro Castán teria sido o autor das duas jogadas. Uma com Daniel e outra em Ganso.

Na primeira, Castán derruba o camisa 20 na linha da grande área. O árbitro até ameaça apitar, mas ignora a jogada.

– O primeiro contato do Luciano Castan é na linha e a linha faz parte da área. Para mim, penalidade não marcada. O árbitro estava bem posicionado, até fez menção em apitar, mas quando o árbitro está na duvida, ele acaba demorando demais. O VAR também ficou na dúvida, e acabou considerando o segundo contato, e não o primeiro – cantou Ricci, alegando ter ocorrido dois contatos na jogada.

Com Ganso, o lance foi ainda mais grave, pois foi na origem da jogada que originou o gol da equipe alagoana.

– Tem contato com o Ganso, sim. Pênalti não marcado. O Ganso valoriza realmente, e isso faz com que o árbitro não marque. Na verdade deveria ser marcado pênalti para o Fluminense, e assim anular o gol do CSA que saiu logo em seguida. Erro da arbitragem – avaliou Ricci.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Top