fbpx

Paulo Henrique Ganso explica bronca em João Pedro: “Dentro de campo não dá para pedir ‘por favor'”

Aos 36 minutos do primeiro tempo do empate em 0 a 0 entre Cruzeiro e Fluminense, no Mineirão, Paulo Henrique Ganso deu uma bronca dura em João Pedro. Capitão devido à ausência de Digão, o meia, na saída do estádio, explicou o episódio dessa quarta-feira.

— Isso é para ajudá-lo, assim como outros garotos que estão aí. Faço de tudo para ajudá-los e ajudar nossa equipe. Dentro do jogo não dá para pedir “por favor, João Pedro, não faça gracinha”. Ainda mais nesse jogo quente. A gente precisando do resultado, acontece essa forma de falar. É do jogo. Normal. Depois estamos sempre brincando. Eu converso muito com ele fora de campo também.

Marcão, em entrevista aos jornalistas, minimizou a polêmica e concordou com a fala de Ganso.

— Não vi, não participei da situação. Mas era jogo quente, jogo pesado. Algumas discussões são normais de acontecer. Torcida do Cruzeiro incentivando a equipe. Em alguns momentos não dá para pedir “por favor”. Ganso já viveu muita coisa. João Pedro é inteligente, sabe que em alguns momentos vai ter uma chegada mais forte.

A cena ganhou grande repercussão por envolver o camisa 10 em mais uma discussão acalorada em campo. Durante empate em 1 a 1 com o Santos, em 26 de setembro, o jogador, ao ser substituído, trocou xingamentos com o então técnico Oswaldo de Oliveira, demitido no dia seguinte.

Saudações Tricolores,
Nicholas Rodrigues.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Top