fbpx

“Por que tamanha indulgência com ‘el sabichón’?” Coluna André Ferreira de Barros

“Por que tamanha indulgência com ‘el sabichón’?”
André Ferreira de Barros


“Uma coisa é uma coisa, outra coisa é outra coisa”, já ensinava o lendário Vicente Matheus.
Decerto, a Flusócio – após herdar um timaço, com craques a rodo, bancado por um patrocínio milionário – deixou terra arrasada no Fluminense. Num exemplo que fala por si só, a Seita Maldita recebera, em 2011, Deco e entregou, em 2019, Airton. Simples assim! Incompetência pouca é bobagem!
Portanto, a hercúlea tarefa de recolocar o Fluminense F. C nos trilhos demandará tempo, muito tempo. Talvez, um mandato seja pouco!
Mas o que ora aflige o torcedor tricolor não é a ausência de glórias, nem mesmo a falta de perspectiva.
Isso fica pra depois do Natal!
Diferentemente, o que, hoje, tira o sono da torcida tricolor é o risco iminente de rebaixamento para a Série B. Ou seja, o Fluminense está disputando – e perdendo – um campeonato de baixíssimo nível técnico, disputado por equipes de quinta categoria, como Ceará, Fortaleza, Chapecoense, CSA, Avaí e Goiás.
E, pelo amor de Deus, para se desincumbir dessa singela tarefa – de ganhar, pelo menos, 4 pontos, do Ceará, do Fortaleza, da Chape, do CSA, do Avaí e do Goiás – um mês à frente do clube é mais do que suficiente! Desde, claro, que haja um mínimo de competência administrativa, artigo de luxo – quase quimérico – em Laranjeiras há décadas.
Ao invés de competência, Sr. Presidente, o senhor, data venia, tem nos brindado com doses cavalares de incompetência, regadas a requintes de crueldade com o torcedor tricolor. O maior exemplo disso – mas não o único – é a mantença do Marcão como técnico. Haja rivotril!
Concluindo, o culpado pelo nosso presente infortúnio tem nome, sobrenome e fala javanês, japonês e juridiquês: Mário Bittencourt, por mim alcunhado “el sabichón” – em tupi-guarani, aquele que não precisa de ninguém, pois nasceu sabendo de tudo.
Porque amo o Fluminense, a minha indulgência o senhor não tem.

Saudações Tricolores!

7 Replies to ““Por que tamanha indulgência com ‘el sabichón’?” Coluna André Ferreira de Barros”

  1. I was extremely pleased to find this web-site. I wanted to thanks for your time for this fantastic read!! I absolutely enjoying every little of it as well as I have you bookmarked to look into new stuff you article.

  2. Youre so cool! I do not expect Ive check out anything such as this before. So wonderful to find somebody with some initial thoughts on this subject. realy thanks for beginning this up. this website is something that is required online, someone with a little creativity. useful job for bringing something brand-new to the internet!

  3. There are some fascinating points in this write-up however I don?t understand if I see all of them facility to heart. There is some credibility but I will certainly take hold point of view until I consider it further. Great short article, many thanks as well as we desire much more! Included in FeedBurner as well

  4. I just want to tell you that I am just all new to blogs and actually enjoyed you’re web page. Likely I’m planning to bookmark your blog post . You surely have amazing articles and reviews. Kudos for sharing with us your website.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Top