Capitão do time, Digão critica atuação da arbitragem: “Realmente é uma situação vergonhosa”

Foto: Globoesporte.com

A derrota para o Internacional ainda tira o sono dos torcedores e de alguns atletas do Fluminense. O zagueiro Digão se mostrou bastante indignado com os erros do VAR contra o tricolor. O capitão aproveitou para cobrar uma postura firme da diretoria em relação a isso.

Digão: Agora não adianta lamentar. Espero que nosso presidente e os diretores possam tomar decisão cabível contra o árbitro e o trio de arbitragem. Chega de complicar a gente, perdemos muito ponto por conta do VAR. Realmente é uma situação vergonhosa. Não queremos nada a favor, mas não precisa complicar. Estamos com tantos problemas, mais esse do VAR complicando a gente.

O zagueiro ainda relatou que o juiz disse que a bola tocou no braço do capitão tricolor e não no braço de Cuesta.

Digão: Todos viram que o gol foi ilegal. Ele disse que bateu na minha mão, mas bateu na mão do Cuesta. Ele apitou falta. Foi no VAR e falou ao contrário. Vergonhoso. O Fluminense correndo, lutando, amassando o Inter e o juiz deu esse gol para o Inter.

O presidente Mário Bittencourt se manifestou no fim da noite e disse que pretende ir à CBF questionar os erros inadmissíveis contra o Fluminense.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *