fbpx

Após dobrar número de sócios, Fluminense projeta chegar a 100 mil em 2020

No balanço dos 180 dias à frente do Fluminense, Mário Bittencourt reafirmou o desejo de alavancar o sócio-torcedor em 2020. Segundo ele, o Tricolor conseguiu 11,1 mil associações desde o início da gestão — crescimento de 100% — e, hoje, possui 21.731 sócios. No período de junho a dezembro, o clube arrecadou R$ 4,5 milhões dos R$ 8 milhões gerados pelo programa no ano.

A ideia é, através de projetos em desenvolvimento, como DNA Tricolor e FluInvest, chegar a 100 mil ao fim do próximo ano. O presidente, inclusive, prometeu implementar um contador do número de sócios. Ele ainda destaca que uma grande quantidade de afiliados pode entregar ao clube lucros maiores que um patrocinador master.

Imagem
Confira o que o clube pretende com DNA Tricolor e FluInvest (Imagem: Felipe Siqueira)

No mês passado, a diretoria colocou em promoção o plano de associação que dá mais de 50% de desconto em ingressos, além de prioridade na compra e outras vantagens. Foi quando Paulo Henrique Ganso e Marcos Felipe, por vontade própria, se associaram.

Também tem sido frequentes programações destinadas aos sócios e com a presença de ídolos tricolores, como no dia do último jogo da temporada, frente ao Corinthians, em São Paulo. Houve, ainda, reaproximação da torcida com o Estádio das Laranjeiras por meio da transmissão, em telão, de duelos pela Sul-Americana.

Saudações Tricolores,
Nicholas Rodrigues.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Top