fbpx

Ariel Holan confirma negociação com clube brasileiro: “Verei a possibilidade que mais me seduz”

Em entrevista ao jornal “El Cordillerano”, durante palestra na cidade de Bariloche, na manhã dessa sexta-feira, Ariel Holan confirmou negociação para treinar um clube brasileiro em 2020. A declaração surge no momento em que tricolores, por meio de campanha nas redes sociais, buscam convencer a diretoria da contratação do técnico de 59 anos, desempregado desde a dispensa do Independiente-ARG, em maio.

— Neste momento, meu representante está no Brasil. É o que posso dizer. Verei, no final de semana, que novidades se tem e, das possibilidades que temos, qual é a que mais me seduz, dependendo do projeto do clube, além do econômico. Analisaremos no fim de semana e durante o início da semana que vem e, certamente, decidiremos, porque já é tempo de voltar a treinar — disse.

Holan vem sendo especulado no Brasil há alguns meses. Teve seu nome ventilado, inclusive, nas Laranjeiras, depois da demissão de Fernando Diniz, que acabou sucedido por Oswaldo de Oliveira no fim de agosto. Até Internacional e Atlético-MG chegaram a ter o argentino em pauta.

— O campeonato brasileiro realmente me encanta. Tenho um respeito enorme pelo que o (futebol do) país conseguiu ao longo de sua rica história. Trabalhar num campeonato dessa envergadura é enriquecedor para qualquer treinador. Esses são fatores que me seduzem muitíssimo para poder trabalhar lá – finalizou.

No empate em 0 a 0 com o Fortaleza, quarta-feira, pela penúltima rodada do Brasileirão, Marcão, auxiliar que assumiu o comando do Time de Guerreiros em setembro, após a conturbada saída de Oswaldo, despistou sobre seu futuro.

— Depois que acabar tudo isso, sentaremos com o presidente e veremos a melhor situação para mim e para a instituição. Sinceramente, ainda não consegui parar e pensar no que vai ser o Marcão daqui para a frente. Estou vivendo o momento, o dia a dia. Hoje eu sou o técnico do Fluminense. Brigamos para sair do Z-4 e temos um objetivo para conquistar. Vamos em busca dessa vaga (na Sul-Americana) e depois a gente conversa com o presidente. Para o bem do clube, para mim.

Carreira de Ariel Holan

Ariel Holan já exerceu as funções de analista de vídeo e de assistente técnico. Em 2015, decidiu assumir o comando do Defensa y Justicia. Dali, em meados de 2016, saiu para o Independiente, pelo qual conquistou a Sul-Americana de 2017 em cima do Flamengo, no Maracanã. No ano seguinte, ainda venceu a Copa Suruga.

Saudações Tricolores,
Nicholas Rodrigues.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Top