“Sabia que seria difícil tirar a bola, mas sempre acredito e deu tudo certo!”, declara Luccas Claro após evitar gol do Cabofriense

Além do gol de Nenê, um lance foi crucial para a vitória do Fluminense por 1 a 0 sobre a Cabofriense, em Bacaxá, pela abertura da Taça Guanabara.

Quando o placar ainda estava zerado, o zagueiro Luccas Claro evitou, em cima da linha, um gol claro para o time da Região dos Lagos.

– É acreditar até o fim. Sabia que seria difícil tirar a bola, mas sempre acredito e deu tudo certo! Foi um lance importante e muito difícil. Mas, graças a Deus, naquele milésimo, tive a intuição de ir para o lado da bola – destacou o camisa 4 do Tricolor.

O lance ocorreu aos 4 minutos do 2º tempo. Em um contra-ataque da Cabofriense, Matheus Ferraz escorregou e Max saiu cara a cara com Marcos Felipe. O atacante driblou o goleiro, mas Luccas Claro se recuperou rapidamente, foi para a frente do gol e bloqueou o chute. Jogadores do time rival reclamaram de mão no lance, mas o zagueiro tricolor garante que a bola bateu apenas em seu rosto.

– Foi no rosto. Até pediram mão, mas foi no rosto mesmo.

Luccas celebrou o fato do time sair vitorioso após sua contribuição:

– Depois disso, nosso time voltou ao jogo e conseguimos fazer o gol com o Nenê. Jogo difícil, pouco tempo de trabalho, mas vamos mostrar nossa cara, crescer a cada jogo. Acredito muito que o Fluminense tem coisas grandes a conquistas esse ano.

Fonte: Globo Esporte

Foto: LUCAS MERÇON / FLUMINENSE F.C. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *