fbpx

Proibida a venda de mandos de campo no Brasileirão.

Os clubes da série A decidiram proibir a possibilidade de venda de mandos de campo no próximo campeonato brasileiro.

Uma polêmica antiga, negociação de mandos de campo no Brasileirão é um assunto que vem sendo discutido há algum tempo.

Em 2017, a venda chegou a ser proibida. Voltou a ser permitida em 2018, com limitações: os clubes tinham a possibilidade de mandar até cinco jogos fora do estado de origem, desde que não fossem partidas das últimas cinco rodadas do campeonato.

Nesta quinta-feira, o tema voltou a ser discutido e, por maioria, os dirigentes decidiram acabar com a possibilidade de venda. Nove clubes votaram pelo fim da venda de mandos, enquanto sete apoiaram uma regra alternativa (cinco vendas por time como mandante e uma como visitante); quatro defenderam a manutenção do regulamento anterior.

A CBF ainda não divulgou detalhes de como vai funcionar a proibição de venda de mandos no Brasileirão de 2020. O texto definitivo estará no regulamento do campeonato, que deve ser divulgado nas próximas semanas.

Fonte GloboEsporte.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Top