fbpx

“LOS DE SIEMPRE” mamando na teta!” Opinião Rafael de Castro

Olá, Guerreiros!
Cadê os planos de sócios? A antecipação das eleições não servia para arrumar a casa? Cadê nosso marketing? Cadê planos para as famílias? Cadê o pré cadastro para o plano popular? Cadê o plano específico para os menores de idade? Cadê o e-mail enviado para os “mais de 200.000 tricolores que estão na base e não são sócios”? Cadê a campanha, com desconto agressivo, para vender os títulos de sócio proprietário que ainda restam no clube?
É sensacional a postura do presidente em “pôr a cara”, fazer coletivas periódicas…mas cadê os setores, que deveriam ser profissionais do clube, trabalhando? Quanto custa jogarmos dois meses (já no terceiro) de programa no lixo? Existia outro apelo maior a curto prazo do que o jogo da segunda fase da Copa do Brasil no Maracanã para lançamento real da campanha, com ingresso grátis para quem fizesse a adesão esta semana?
Em qualquer empresa com orçamento de “5 mariolas”, pessoas seriam cobradas, teriam metas, teriam prazos e diante de tal prejuízo seriam demitidas, mas qual o sistema de contratação neste clube que fatura centenas de milhões? Uma gestão moderna assumiu o clube, com antecipação das eleições e contratou um grande CEO para gerir “este grande negócio”, refazendo todo organograma, setores, funções, colaboradores e “boquinhas” ou vem mantendo praticamente a mesma estrutura “Flusócio”? Contratou uma empresa de Recursos Humanos independente e renomada para ocupar os cargos, cujas metas deveriam ter sido tão bem delimitadas por tal CEO? Fez uma revisão em todos os PJ`s? Substituiu o comando do futebol, tomando como modelo sucessos recentes, como o do Bahia ou manteve aqueles velhos nomes (Angione e Simone)?
Sabemos respostas; sabemos nomes; sabemos quem bem trabalha e quem não trabalha; sabemos quem assumiu por ter feito campanha, não por ter competência comprovada, sabemos que há muitas dúvidas nos critérios de contratações, em especial de jogadores do Uram e da Fato Sports; sabemos que continuamos jogando no Maracanã em jogos como o do último domingo, com prejuízo na casa de R$ 400.000,00 (um jogador de alto nível), fazendo muita gente feliz (Sunset com a maior proporção “agente orientador/segurança” X Público” do mundo; A empresa das grades e seus grandes labirintos…); sabemos que não evolui o projeto das Laranjeiras…
Compreendemos, deduzimos e sabemos muitas coisas, mas mesmo diante de todas essas questões surge o factóide do “Los de Siempre” em alusão aos fiéis torcedores que estão em todas (os famosos 15.000 de sempre dos comuns anos sem títulos, fases finais de taças e libertadores), que para os que me conhecem, me incluo.
Debates internos recentes apontam para a falta de compromisso do torcedor tricolor e no meu entendimento essa “cortina de fumaça” somente esconde causas e nos faz brigar internamente pelas consequências.
Os irracionais “de siempre”, que me incluo, não amam mais o Fluminense do que os racionais que “estão no sofá”. No entanto, nós, malucos deixamos que nossa cega paixão nos conduza e talvez os da poltrona, esperam a “certeza da lealdade do casamento” para voltarem a dizer o “sim”.
Meus caros tricolores “de siempre”, não se deixem levar por esta balela de que somos os “super heróis de siempre”. Isso é estúpido, desagregador e desfoca o real motivo pelo qual muitos se afastaram. Verifiquem nossa média de público e o tamanho de nossa torcida, segundo as últimas pesquisas. Comparem estes números entre anos ruins e vitoriosos. Comparem posteriormente com “a maior torcida do RJ e do Brasil e façam o mesmo exercício…verão o que chamo de “torcida ativa”. Verão que proporcionalmente o volume de torcedores do Fluminense que freqüentam estádio é maior do que os rivais da Barreira e do clube do Roberto Marinho.
Resumo do Exercício: Se nossa torcida tem 3 Milhões de torcedores com uma média 15.000 presentes, temos 0.005% indo ao estádio; Se uma torcida tem 32 Milhões de torcedores com uma média 40.000 presentes, eles tem 0.001% de torcedores indo ao estádio.
É óbvio que precisamos crescer a freqüência dos torcedores; é óbvio que é muito mais fácil trazer para o estádio aquele tricolor afastado do que criar uma nova geração de tricolores; é óbvio que precisamos buscar nos torcedores com campanhas de adesão como “sócio baixa renda”…Mas é óbvio que uma faixa “Los de siempre” não ajuda em nada nesse processo!
Precisamos de CREDIBILIDADE E TRANSPARÊNCIA na gestão; precisamos de ações administrativas e de marketing que provem ao torcedor que seu suado e honroso capital está sendo investido no “Football”; precisamos de ídolos e não de “Felipes Cardosos”; precisamos de defesa institucional séria; precisamos de eficácia em uma simples campanha de sócios!
Presida: “Diga-me com quem andas e te direi quem tu és”! Não espere os “milagres do campo”, apesar de um trabalho pessoal perceptível e sentido nos bolsos dos nossos funcionários, ainda aguardamos o líder que promoveria a grande revolução e acabaria com a “Mamata dos de siempre”.

Rafael de Castro Ladewig de Araujo.
Meu sangue é grená com glóbulos verdes e brancos. Colunista.

62 Replies to ““LOS DE SIEMPRE” mamando na teta!” Opinião Rafael de Castro”

  1. Pingback: cost of cleocin
  2. Pingback: write assignment
  3. Pingback: buy essays papers
  4. Pingback: essay writings
  5. Pingback: buy an essay
  6. Pingback: ananda cbd oil
  7. Pingback: payday loans in ga
  8. Pingback: safe car insurance
  9. Pingback: free slots
  10. Pingback: casino
  11. Pingback: casino games
  12. Pingback: claritin price
  13. Pingback: cephalexin coupon
  14. Pingback: ceftin for sale
  15. Pingback: ceclor coupon
  16. Pingback: catapres price
  17. Pingback: http://droga5.net/
  18. Alcool Levitra 10 Mg ArozyAeror [url=https://acialisd.com/#]cialis online canada[/url] appeat Ou Trouver Cialis Sans Ordonnance enlajome Cialis isorcick Comprare Il Cialis

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Top