fbpx

“No momento, a prioridade é outra. A crise é para todos”, patrocinador encerra parceria com clubes cariocas

Azeite Royal encerra parceria com cariocas com argumento de se reestruturar diante dos efeitos da crise mundial causada pelo coronavírus: “No momento, as prioridades são outras”

Todos já foram notificados pela empresa a respeito da ruptura. Eduardo Giraldes, empresário, dono do Azeite Royal, confirmou a medida e explicou:

  • Tomamos a decisão de rescindir com todos os clubes e também com o Maracanã até por tudo que estamos passando. Fizemos uma reunião de conselho e com o marketing. Os campeonatos estão parados e não temos porque manter esse investimento. Vamos focar nesta crise mundial com os supermercados, que são os que precisam desse tipo de ação. No momento, a prioridade é outra. A crise é para todos. Depois, sentamos e conversamos para um novo contrato.

Giraldes deixou claro que não há qualquer tipo de insatisfação com os clubes cariocas ou o Maracanã. Por outro lado, revelou não ter opção diante dos efeitos mesmo fora do esporte. A empresa tem fábrica e 80% da produção em Portugal.

  • Não existe marketing no mundo melhor que o futebol, mas a situação vai além. Temos que entender o momento que o mundo está passando.
    O contrato do Azeite Royal com o Flamengo para exibição da marca no calção em 2020 era de R$ 3 milhões. No Botafogo, a marca era exibida no espaço de patrocinador master. No Fluminense, na barra das costas. Já no Vasco podia ser vista nas costas, acima do número.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Top