Ex Flu, lateral Lucas aciona clube na justiça

E meio a paralisação do futebol por conta da pandemia a cerca do Coronavírus, o Fluminense pode sofrer mais um grande baque financeiro.

O lateral direito Lucas, que passou pelo clube em 2017 e defendo hoje o Figueirense, reclama de diretos atrasados, como 13° salário, férias, direito de imagem e FGTS, em ação que cobra R$ 1.574.385,38.

O processo foi movido em dezembro no Tribunal Regional do Trabalho do Rio de Janeiro, e uma audiência entre clube, jogador e seu advogado, Luiz Gustavo de Menezes Ribeiro, estava marcada para o dia 25 de março. Porém, devido à pandemia do coronavírus, que diminuiu o expediente jurídico pelo país, a sessão foi retirada de pauta e adiada por tempo indeterminado.

Vale destacar que o clube já sofre com ações de Cláudio Aquino e do goleiro Júlio César, hoje no Grêmio.

Sobre o autor