Após mais uma volta de empréstimo, Robinho não deve ser aproveitado no Flu

Em meio a paralização no futebol por conta da pandemia do Novo Coronavírus (Covid-19), o Fluminense recebeu de volta alguns jogadores que estavam emprestados a outros clubes, entre eles o atacante Robinho.

O jogador que chegou como uma grande aposta para substituir Richarlison, vendido na época ao Watford, da Inglaterra, custou cerca de R$7 milhões aos cofres Tricolor e jamais conseguiu se firmar na equipe.

O atacante que esteve emprestado ao Água Santa, de São Paulo, na disputa do Paulistão, retorna ao Flu durante a parada e, segundo o site UOL Esportes, não deve ser aproveitado pela equipe das Laranjeiras.

Robinho já foi testado por técnicos como Abel Braga e Marcelo Oliveira, e quatro empréstimos para: America-MG, CSA e Vila Nova-GO, além do Água Santa-SP, todos também sem destaque.

Pelo Flu, o jogador atuou em 29 jogos e marcou apenas três gols.

Foto em destaque: Lucas Merçon/FFC

Sobre o autor