“Meu sonho hoje, na frente de tudo, é ganhar um título importante pelo Fluminense”, Gilberto fala sobre treinos na pandemia e preparo

Aproveitar o tempo com a família, jogar dama com os pais e acompanhar as lives de pagode: esses são alguns dos programas de Gilberto, quando não está treinando na quarentena.

O lateral do Fluminense está recuperado de uma lesão na coxa esquerda, sofrida na derrota por 1×0 para o Figueirense, pela Copa do Brasil. Com a orientação dos profissionais do clube, Gilberto fez o trabalho de recuperação em casa e agora já está liberado para treinar.

“Eu estou 100%, foi uma lesão muscular que eu já conhecia, já tive ela uma vez, então foi mais tranquilo. Mesmo antes de acontecer essa pandemia, eu já tinha aparelhos de fisioterapia em casa. Fiquei em contato com os fisioterapeutas do Fluminense, com a experiência que eu tinha, o contato com eles e os aparelhos em casa, ficou tudo mais fácil. O próprio tempo ajudou na recuperação, já passei da parte de fisioterapia e já comecei a conversar com a rapaziada da preparação física, fiz todos os trabalhos e hoje já posso treinar normalmente”, explicou o jogador.

Em 2020, Gilberto vem se destacando no time de Odair Hellmann. Ao todo, foram 12 jogos e dois gols marcados. No fim do ano passado, o Fluminense e a Fiorentina-ITA chegaram a um acordo pela permanência do lateral-direito. O Tricolor adquiriu 50% dos direitos econômicos do atleta e assinou contrato até julho de 2022. Essa é a terceira temporada de Gilberto com a camisa do Fluminense e o lateral revelou que o sonho de conquistar um título pelo time das Laranjeiras vem antes, até, do desejo de vestir a camisa da seleção brasileira.

“Para mim, profissionalmente, é muito importante. Vou acumulando mais anos no clube, anos de experiência. Me sinto muito a vontade no Fluminense, já tive momentos bons, outros não tão bons, mas esse ano eu venho numa crescente positiva. Espero poder manter isso, com o apoio do torcedor. Meu sonho hoje, na frente de tudo, até de chegar na seleção, é ganhar um título importante pelo Fluminense e entrar na história do clube”, revelou o lateral.

O elenco tricolor segue de férias até o dia 30 de abril. O Fluminense foi um os primeiros clubes a fechar um acordo com os atletas para a redução salarial neste período da pandemia. A postura dos jogadores foi elogiada publicamente pelo presidente Mário Bittencourt. Gilberto também destacou a transparência do dirigente na relação com o grupo.

“Acho que é muito importante para os resultados fora de campo o ambiente interno ser bom e desde que o Mário chegou tem sido assim. Ele tem passado uma transparência para a gente e temos respeitado bastante. Até para não ficar muita gente falando, os mais experientes tomaram a frente, conversando com o presidente e passando para a gente. Todo mundo tem voz e muita gente deu opinião, o que estava positivo, o que achava negativo, até todo mundo chegar em um acordo. Na minha opinião, o acordo foi até bem rápido, as duas partes se entenderão muito bem. Lá na frente isso será muito importante, quando a gente entrar dentro de campo, esse entrosamento entre jogadores e diretoria vai nos ajudar bastante”, analisou Gilberto.

Fonte: Esporte Interativo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *