TV Globo questiona Ferj e emite nota em relação a volta do Carioca

Detentora dos direitos de transmissão do Carioca, a TV Globo questionou a Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (Ferj) sobre a volta apressada da competição que retorna nesta quinta-feira (18), com Flamengo e Bangu, às 21h, no Maracanã.

A emissora emitiu uma nota indagando uma preocupação quanto ao protocolo de segurança para a realização da partida. De acordo a Globo o documento apresentado “é impreciso em relação a vários aspectos” no que diz respeito ao trabalho dos profissionais envolvidos, além, da falta de conhecimento em relação à aprovação das normas criadas pela Ferj por parte das autoridades sanitárias.

Por fim, a emissora não garante que irá realizar as partidas da 4ª rodada da Taça Rio por não haver tempo hábil para se planejar e viabilizar a transmissão. A empresa pede que a Federação assegure as condições em que o Campeonato Carioca irá voltar e pede a confirmação de todos os times no torneio para avaliar o retorno dos jogos na televisão.

Veja nota emitida pela Globo sobre o tema

A Globo tomou conhecimento da decisão da FERJ, em reunião arbitral realizada ontem, sobre o retorno do Carioca 2020 nesta quinta-feira, 18. Entretanto, fomos informados de que não há consenso entre os grandes clubes sobre a retomada da competição e que alguns alegam que não há condições mínimas para os profissionais de futebol realizarem as partidas nas datas agendadas pela Federação.

A Globo vê com grande preocupação a ausência de segurança para a realização dos jogos, tantos para os profissionais que participam do espetáculo quanto para as equipes de transmissão e cobertura jornalística das partidas.

Não mediremos esforços para que os torcedores possam ver seus times novamente em campo, porém é essencial que a FERJ assegure em que condições se dará o reinício do Campeonato Carioca e que confirme a participação de todas as equipes que iniciaram a competição, a fim de que possa ser avaliada a viabilidade do reinício das transmissões.


Fonte: UOL
Foto: Reprodução TV Globo

Sobre o autor