Propostas por Marcos Paulo chegam, mas não agradam e cúpula Tricolor analisa possibilidades

Se antes da pandemia a venda do jovem atacante era algo praticamente certo, hoje o cenário é outro. E Sem propostas consideradas aceitáveis, o Fluminense vê Marcos Paulo desvalorizar e estuda alternativas.

Segundo o portal NetFlu, a prioridade da cúpula Tricolor ainda é negociar o jogador, de 19 anos, mas, com a diminuição do poder compra das equipes, sobre tudo europeias, devido a pandemia, o Fluminense teve que abaixar ainda mais os valores pretendidos.

Anteriormente o valor mínimo estipulado para iniciar uma negociação por Marcos Paulo era 15 milhões de euros, agora o Flu considera aceitável uma proposta entre 12 e 10 milhões de euros. Porém, as ofertas que chegam do exterior são abaixo disso, o que dificulta ainda mais uma possível venda.

Caso não seja vendido, o presidente Mário Bittencourt confirmou que atacante terá seu vínculo estendido, eliminando qualquer possibilidade do clube perde-lo de graça. Vale lembrar que Marcos Paulo tem contrato com o Flu até o meio do ano que vem e, em tese, a partir de janeiro ele poderia assinar um pré-contrato com qualquer equipe.

Fonte: NetFlu
Foto: LUCAS MERÇON/FLUMINENSE F.C.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *