Parque Infantil recebe nova identidade visual. Veja!

Palco de diversas festividades no clube, entre elas a FluFest, e área preferida da molecada, o Parque Infantil da sede do Fluminense passou por reformas e recebeu nova identidade visual. O local – além das obras -, ganhou três painéis de grafite do artista visual Marcelo Ment e terá novos brinquedos.

O parquinho recebeu impermeabilização em diversas áreas; emboço de paredes; pintura geral; recomposição do piso; reforma da grade do campo de futebol de grama sintética e compra de novos brinquedos – que serão instalados em breve. O Diretor Social, Leonardo Salata, afirmou que o projeto é parte fundamental do momento em que vive o clube, que passa por um processo de reconstrução, tendo como pilares o bem-estar do sócio e o cuidado com a sede histórica.

“Quando se fala em reconstrução é imperioso pensar no futuro, e o futuro são os nossos pequenos tricolores. Os departamentos Social e Administrativo têm o dever de tornar esse espaço uma extensão da casa dessas crianças, fazendo com que elas sintam prazer e orgulho de crescerem no Fluminense Football Club. Todo esse trabalho é reflexo da integração das áreas e da capacidade de entrega dos nossos funcionários que se doam todos os dias. Em pouco mais de um ano e meio reabrimos o restaurante da sede social, concluímos a obra do parque aquático, trouxemos novas atrações para entretenimento dos sócios e hoje estamos perto de concluir as intervenções no parque infantil. Nosso planejamento segue na busca dos avanços necessários para melhorarmos a estrutura do clube e assim melhor atender aos nossos sócios e torcedores”, detalhou Leonardo Salata.

O artista Marcelo Ment, em entrevista à repórter Carla Matera, no Giro do Flu, falou sobre o projeto, explicando que a ideia é a de “valorização da identidade da torcida com o Tricolor”. “O grande lance dessa pintura é a gente valorizar os laços com o clube e com o Fluminense, representado desde a primeira infância. Nós viemos aqui criança desde muito pequenos, desde o berço e até crianças um pouco maiores. Meu filho, por exemplo, tem três anos e meio e está sempre por aqui, brincando. Então é fortalecer a pracinha, sendo uma pracinha Tricolor e dentro da sede, dentro de Laranjeiras. Então, eu acho que é, principalmente, isso. Valorizar e fortalecer esses laços”.

Para pintar os painéis que têm, aproximadamente, entre 12 e 24 metros quadrados, foram usados 60 tubos de spray de tinta – o material foi fornecido pela Paris68 (@sprayparis68). Marcelo detalhou o trabalho e afirmou que terá variações das cores do Flu, para criar a ideia de representação da torcida, entre outros.

“Estamos usando variações das cores do Fluminense (verde e vermelho). Um vermelho intenso, com pegada mais para o grená e o verde também. Mas tendo variações. Temos a ideia de fazer a representação da torcida, com bandeiras, fumaça colorida, a próprio pó de arroz. Na verdade, desde o início, temos a ideia e o conceito de fazer uma pracinha, literalmente tricolor, reforçando as cores do clube e elementos que representam o amor da torcida pelo clube, com algumas frases que a torcida cita. Fazer com que isso chegue às pessoas que circulam pelo local, as crianças, reforçando esse valor afetivo que todo grande clube, como o Fluminense, desperta nos torcedores. Com sua tradição, que passa de pai, mãe, para filhos e atravessa gerações. Como é o meu caso. Meu pai era Tricolor, meus irmãos são, minhas irmãs também, meu filho que também é Tricolor. Isso é legal”, conclui o Artista Visual.

Texto: Comunicação-Fluminense F.C.
Fotos: Mailson Santana-Fluminense F.C// Arquivo FluFest

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *