Fluminense sai atrás do placar, melhora no segundo tempo e conquista empate com River na estreia da Libertadores

O jogo como já era de se esperar, começou bem pegado, time do Fluminense pareceu estar nervoso, mal conseguia tocar a bola. Até para o time do River não estava tão simples. Porém o diferencial do jogo foi sem dúvidas o pênalti de Marcos Felipe. Depois de um erro de passe do Yago, Borré recebe na linha de fundo e o goleiro do Flu faz pênalti bobo. Na cobrança Montiel desloca e abre o placar no Maracanã.

Fluminense têm dificuldade de chegar bem na área do River, Egídio até então não conseguia fazer um bom jogo, Yago Felipe estava um pouco afobado na marcação. As melhores chances do Fluminense aconteciam nas bolas paradas, em todas as bolas lançadas na área, Luccas Claro ganhou praticamente todas, dando muita dificuldade para a zaga do time Argentino.

Foi um jogo de raras chances, mas o River se aproveitou do erro de Marcos Felipe, que cometeu pênalti bobo em jogada morta na linha de fundo. Kayky e Luiz Henrique são os melhores do Fluminense, mas sozinhos não estão conseguindo resolver. Está faltando mais de Nenê e Martinelli dentro do campo de ataque.

No segundo tempo o time voltou o mesmo, tanto no futebol quanto nos jogadores. Fluminense assim como no primeiro tempo, muita dificuldade para criar, quando recuperava a bola o time não conseguia ficar 10 segundos e já perdia a bola.

Roger mudou, tirou Nene e Kayke e colocou Cazares e Gabriel Teixeira para tentar dar mais velocidade ao time. Surtiu efeito! Contra-ataque três contra 2 do Fluminense. Fred toca para Cazares e recebe de volta na área, chutando de primeira. Bola toca na trave e entra. Fluminense empatava no Maracanã.

O time de Roger acordou um pouco depois do gol. Luiz Henrique faz uma ótima partida, vai pra cima sem medo.
Depois do gol Roger mais uma vez mexeu. Colocou o contestado Lucca no lugar do L.Henrique e colocou também o estreante Abel Hernandes no lugar do Fred.

Fato é que o Cazares entrou e entrou bem demais. Depois do passe para o gol do Fred, o meia colocou Lucca em ótima condição de finalização que foi travado em cima do gol, seria o gol da virada do tricolor. E não parou por aí. Enquanto o time do River parou, o time do Fluminense depois do gol mudou muito a postura. Aos 40 minutos Cazares cruza, Gabriel Teixeira cabeceia para o meio, Abel não consegue o domínio, mas a bola volta para Cazares bater quase sem ângulo, e Armani salva o time argentino.

Fluminense é indiscutível melhor no segundo tempo do que no primeiro. Depois do gol do Fred o time mudou demais, Cazares deu outra postura ao time tricolor. O time de Roger mostrou vontade, mas existem coisas para serem mudadas. No mais, partida boa do Fluminense na estreia da Libertadores, levando em consideração o segundo tempo.

Foto em destaque: Lucas Merçon/FFC

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *