Torcida do Junior exige cancelamento da partida contra o Flu e faz ameaças

Após o imbróglio da última semana, em que a partida contra o Santa Fe precisou ser alterada de local “às pressas”, o jogo contra o Junior Barranquilla, marcado para esta quinta-feira, pode também causar imprevistos ao Fluminense Isso porque uma torcida organizada da equipe colombiana, a “Frente Rojiblanco Sur 1998”, ameaçou impedir a entrada dos ônibus ao estádio caso a partida não seja adiada ou suspensa. A razão é um protesto contra o governo. Confira o que diz a carta: 

“Solicitamos a suspensão ou adiamento da partida válida pela Copa Conmebol Libertadores entre Junior e Fluminense a ser disputada no dia 06 de maio de 2021, às 17h (horário local), no estádio Romelio Martínez, uma vez que estamos plenamente convencidos que a situação atual do país não é a melhor, e fazemos como protesto a um governo criminoso e fascista, que através das forças armadas do Estado torturam, matam e fazem desaparecer milhares de jovens que saem para protestar pelos seus direitos constitucionais.

Se não suspenderem a partida, nós da Frente Rojiblanco Sur 1998 seremos obrigados a não permitir o deslocamento dos ônibus dos jogadores até o estádio, e muito menos que seja a realizada a partida por qualquer circunstância, já que convocaremos todos os nossos associados, torcedores e toda sociedade que hoje luta e resiste diariamente em cada protesto para que esse jogo não aconteça.

Que ninguém duvide que amamos e adoramos assistir aos jogos do nosso time, mas hoje a luta e o sentimento de um país vêm em primeiro lugar”.

A delegação tricolor, inclusive, embarca ainda na tarde desta terça-feira para Colômbia e faz a última atividade antes do jogo nesta quarta, no Estádio Metropolitano.

Fonte: Ge

Foto: Divulgação Instagram 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *