Fred pode se tornar o terceiro maior artilheiro brasileiro na Libertadores

A relação de Fred com o Fluminense transcende qualquer explicação lógica. O atacante, aos 37 anos, vem mostrando a cada jogo que a idade é só um detalhe para um goleador nato, que não se cansa de aniquilar recordes e fazer história pelo Tricolor. Após se tornar o segundo maior artilheiro da história do clube, com 185 gols, o camisa 9 tem a possibilidade de alcançar outras marcas importantes na temporada.

E uma delas pode ser atingida nesta quarta-feira, às 21h, quando o Time de Guerreiros enfrenta o Independiente Santa Fe, da Colômbia, pela quarta rodada da CONMEBOL Libertadores, no Maracanã. Se balançar as redes, Fred se tornará o terceiro maior artilheiro brasileiro na competição em todos os tempos. Ele é o quarto da lista, ao lado de Jairzinho, com 21 gols. O terceiro colocado é Célio (ex-Vasco e Nacional-URU, clube pelo qual marcou todos os seus gols no torneio), a quem Fred pode se igualar, com 22.

Não tenho isso como meta, não fico pensando. O objetivo único é vencer os jogos e depois fazer os gols, esse é meu dever como atacante. E eu espero fazer o máximo de gols que puder para ajudar o Fluminense, e tomara que na quarta-feira possam sair muitos para todo mundo ficar feliz. As marcas são consequência do trabalho e se elas vierem será muito bacana. Mas a prioridade não é essa – comentou o ídolo tricolor.

Com média de um gol por jogo (três gols em três jogos) na atual edição da competição continental, Fred pode até mirar o segundo lugar da lista, ocupado por Palhinha, que anotou 25 gols. O líder do ranking é Luizão, com 29.

Fred já é o maior artilheiro da história do Brasileirão por pontos corridos, com 152 gols. Ele é o quarto da lista geral, contabilizando todos os formatos de disputa, e assumirá a vice-liderança isolada se marcar três vezes no campeonato em 2021. Ele ultrapassaria Edmundo (153) e Romário (154) e ficaria atrás somente de Roberto Dinamite (190).

Outro topo de lista que o camisa 9 do Fluminense pode alcançar na temporada é o da Copa do Brasil. O capitão tricolor é atualmente o segundo maior goleador da competição, com 35, e está a um gol de se igualar a Romário e a dois de ultrapassar o Baixinho e se isolar na artilharia do torneio.

Os maiores artilheiros brasileiros da Libertadores:

1- Luizão – 29 gols

2- Palhinha – 25 gols

3- Célio Taveira – 22 gols

4- Fred e Jairzinho – 21 gols

Fotos: Mailson Santana e Lucas Merçon/FFC
Texto: Comunicação/FFC

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *