Pagou pela arrogância? Após críticas a atuação de Enzo Pérez como goleiro, Marcos Felipe falhou três vezes na decisão do Carioca.

De promessa do clube a titular do time, Marcos Felipe pagou pela sua inexperiência diante das câmeras ou pela sua arrogância? Certo mesmo é que após a sua entrevista, quando questionado pela imprensa a respeito de como ele avaliaria a partida de Enzo Peres como goleiro, mesmo não sendo da posição, Marcos Felipe apenas declarou não ter visto “nada demais”.

Não vi nada de mais. Ele simplesmente tapou um buraco que eles mesmo cavaram. Então, não tenho nada a falar a respeito do Enzo Pérez” –

Após essa declaração Marcos Felipe falhou nos três lances que originaram o gol do time Rubro Negro na decisão. Cometeu mais um pênalti (o terceiro), novamente por chegar atrasado em uma dividida, que originou o primeiro gol. Não pegou chute defensável, apesar de forte, no segundo gol e soltou a bola nos pés de João Gomes no terceiro gol.

Sim, de fato o improvisado goleiro dos “Milionários” foi pouco acionado, entretanto esse jogo está sendo tratado como um dos jogos mais memoráveis pelos Argentinos, logo faltou maturidade ao arqueiro tricolor para medir seus pensamentos antes de expressá-lo em forma de palavras. A camisa utilizado pelo Enzo está no museu do clube como prova de respeito perante a partida e as condições em que o jogo foi realizado.

Vale ressaltar que o Fluminense é um clube com diversos ídolos, porém o maior de todos chama-se Castilho, nosso eterno goleiro. Que as frases escritas sem seu busto possa motivar Marcos Felipe a melhorar e trazer de volta a sua humildade e confiança, pois vamos precisar e muito na partida de hoje diante do mesmo River Plate.

“Suar a camisa, derramar lágrimas e dar o sangue pelo Fluminense, muitos fizeram. Sacrificar um pedaço do próprio corpo por amor ao Tricolor, somente um”.

Foto: Lucas Merçon / Fluminense F.C.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *