Morre aos 81 anos o ex-locutor de rádio e TV Januário de Oliveira.

Januário de Oliveira veio a falecer em decorrência de uma parada cardíaca. Conhecido do grande público entre as décadas de 80 e 90 pelo seu carisma, sua voz imponente e claro pelos seus bordões. Ele estava internado há 11 dias em um hospital particular em Natal, Rio Grande do Norte, por complicações do quadro de pneumonia.

Januário formava junto à Addison da Silva Coutinho e Gérson Canhotinha de Ouro um trio nostálgico que para o público foi um dos melhores nas transmissões do Campeonato Carioca. Ele imortalizou bordões no futebol, como ‘taí o que você queria’, “tá lá um corpo estendido no chão”, ” porque é disso que o povo gosta“, “cruel, muito cruel“, além dos apelidos dados aos jogadores que até hoje são lembrado: “Super Ézio, Valdeir The Flash, Sávio o Anjo louro, dentre outros.

O Fluminense em seu Twitter prestou sua homenagem lamentando a sua perda. Vale lembrar que Januário era torcedor assumido do Fluminense.

“O Fluminense Football Club lamenta profundamente o falecimento do grande narrador Januário de Oliveira. Tricolor de coração, Januário foi o porta-voz de muitas emoções vividas pelos nossos torcedores. O clube deseja muita força aos amigos e familiares.”

FOTO: Imagem reprodução 21/12/20219 – TV Brasil.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *