A boa fase de Yago Felipe se destacam nos números

Jogador tem 61 bolas recuperadas, 25 desarmes e 19 interceptações nos últimos 10 jogos, além de 2 gols e 2 assistências

A engrenagem Fluminense tem um motor, e ele atende pelo nome de Yago Felipe. No esquema do técnico Roger Machado, o meia deu um salto de produtividade e tem se destacado por sua qualidade nos dois setores do campo. Seja no ataque ou na defesa, o jogador acumula números que impressionam, sobretudo nos últimos 10 jogos.

Peça-chave no bom momento do Fluminense na temporada, Yago mostra que sua importância vai além da entrega e dedicação. O camisa 20 é o principal ladrão de bolas da equipe. Nos últimos 10 jogos, de acordo com as estatísticas do SofaScore, ele acumula nada menos que 61 bolas recuperadas (média superior a 6 por jogo), 25 desarmes, 19 interceptações e nenhum erro defensivo cometido.

O jogador dividiu os méritos do bom momento com os companheiros, mas ressaltou a importância de manter o foco para seguir adiante no processo de crescimento individual e coletivo.

“É muito gratificante ver que os números são bons. A cada oportunidade que eu tenho de vestir a camisa do Fluminense, procuro fazer o meu melhor, no dia a dia, nos treinos. E conseguir levar isso para os jogos é muito gratificante. Junto com meus companheiros, procuro crescer a cada oportunidade. Tenho certeza que ainda temos muito a evoluir, em todos os setores do campo. A gente tem ciência de que precisa sempre evoluir para conquistar os objetivos na temporada”, ressaltou.

Na frente, Yago também se mostra importante. O camisa 20, como arma de apoio ao setor de ataque, tem nos últimos 10 jogos 2 gols e 2 assistências, a última delas na vitória por 1 a 0 sobre o Cuiabá, no último domingo, em São Januário – a primeira do Fluminense no Campeonato Brasileiro. Novamente ele fez questão de enaltecer o trabalho coletivo do time comandado pelo técnico Roger Machado.

“Isso acontece muito pela contribuição de todos os atletas. Não só pela parte ofensiva ajudando na defensiva, como o contrário também. Tenho certeza de que, todos se ajudando, vai todo mundo contribuir com seu melhor para o time e vamos conseguir os resultados”, disse.

O meia tem, ao todo, 68 jogos e 6 gols com a camisa tricolor. São 35 vitórias, 19 empates e 14 derrotas com ele em campo, totalizando um aproveitamento de 60.78%.

Foto: Mailson Santana/FFC
Texto: Comunicação/FFC

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *