Atleta do Flu é campeã sul-americana sub-19 de vôlei de praia

Além do título continental que valeu vaga no Mundial da categoria, Carolina Sallaberry conquistou o título do Circuito Brasileiro nas categorias sub-17, sub-19 e sub-21

Ela chegou ao Fluminense este ano e já é motivo de orgulho para o clube. Em um espaço de 25 dias, Carolina Salaberry, de 16 anos, venceu 41 dos 42 jogos que disputou no vôlei de praia e conquistou quatro títulos em três categorias diferentes. O último deles foi o Campeonato Sul-Americano Sub-19, neste domingo (01/08), em Cochabamba, Bolívia, que ainda garantiu a vaga do Brasil no Mundial da categoria, em setembro, na Tailândia.

“Cheguei no Flu este ano e fui muito bem recepcionada pelas meninas e técnicos. Nesse período em que os campeonatos de quadra estão suspensos e não há previsão de volta, o clube me deu todo o apoio nas competições de vôlei de praia, sempre vibrando com as minhas conquistas. Foi muito importante esse apoio, pois assim fiquei muito mais leve e motivada para jogar. Queria agradecer a todas as meninas que treinam comigo e aos meus técnicos que me deram todo esse suporte. Espero poder retribuir nas quadras ajudando o Fluminense a conquistar mais títulos no vôlei”, comemorou Carol, de 1,82m de altura.

A saga de vitórias e títulos começou no dia 08 de julho, com o Circuito Brasileiro. No campeonato de seleções estaduais, Carol representou o Rio de Janeiro ao lado de Nina Chávarry, de 15 anos, e foi campeã geral no sub-17, sub-19 e sub-21. Foram 39 jogos em 17 dias, com nada menos que 38 vitórias. Ao todo, Carol disputou cinco etapas nas três categorias, faturando quatro ouros e uma prata.

“Estamos muito felizes por chegar a estes títulos, a estas marcas, ainda mais com apenas 15 e 16 anos.  É muito legal ver o reconhecimento do nosso esforço nas quadras”, disse a atleta tricolor.

O ótimo desempenho rendeu a Carol a convocação para a seleção brasileira sub-19 de vôlei de praia. E ela não teve tempo para descansar. No sábado (31/07), ao lado de Maria Fernanda, Carol estreou no Sul-Americano da categoria com vitória de 2 sets a 0 (21/12 e 21/16) sobre as peruanas Shirley e Vinatea. Já neste domingo (01/08), na semifinal, elas bateram as chilenas Marcela e Danae também em sets diretos (21/10 e 21/12) e, na decisão, triunfo sobre as irmãs colombianas Isabel e Laura Alvira por 2 sets a 0 (21/17 e 21/11). Título invicto em sua primeira experiência internacional.

“Esta é a nossa primeira vez que a gente joga um torneio internacional, e defender as cores do Brasil é uma experiência que só quem passa sabe. Usar essa camisa que tem muito peso é uma grande responsabilidade. Estamos muito felizes com este título logo em nossa primeira competição”, finalizou Carol.

Texto: Comunicação/FFC
Fotos: Divulgação/CSV e CBV

Deixe uma resposta