Em mais uma atuação deprimente, Fluminense perde para o América-MG e fica a três pontos da zona de rebaixamento

Foto: GE

O time que joga pra não perder passou a perder com frequência. O Fluminense acumula três derrotas seguidas no Campeonato Brasileiro e vê zona rebaixamento de perto. Mesmo em 12°, o futebol apresentado e a diferença de três pontos já começam a preocupar. Hoje foi dia de perder para o América Mineiro, que não vencia uma partida há um mês.

A primeira já indicava o que seria o jogo. O adversário parecia bem mais disposto a vencer o jogo, arriscando finalizações e exigindo boas defesas de Marcos Felipe. O Flu ficou no toque improdutivo padrão Roger Machado. O time teve mais uma atuação terrível ofensivamente. Nenê não criou nada, Lucca e Kayky idem, Fred irreconhecível, Egídio torna injustificável defender quem o escala, Samuel Xavier pouco participou do jogo. Fim de primeiro tempo, 0x0, apenas 4 finalizações do Flu, 8 do América.

A torcida pedia mudanças no intervalo, Egídio e Lucca jogavam pro outro time. Roger não mexeu. Time demorou 30min para finalizar outra vez sem perigo. O América Mineiro já tinha aberto o placar com Ademir (que seria titular fácil no Fluminense), após erro de Manoel. Não pode nem cogitar poupar o Nino na Libertadores.

O Fluminense terminou o jogo com Egídio de capitão. Marcos Felipe foi o melhor em campo. Isso diz muito sobre a fase do time. O próximo duelo agora é pela Libertadores, contra o Barcelona de Guayaquil, na próxima quinta, às 21h30, no Maracanã.

Sobre o autor