“Não vejo momento de uma troca de estrutura…” disse Roger Machado. Leia!

Em entrevista coletiva após a partida, o treinador saiu em defesa do modelo de jogo, fez surgir um questionamento: é hora de mudar o esquema tático? A resposta de Roger Machado, é não.

– Não vejo momento de uma troca de estrutura com uma ruptura muito grande do que temos feito. As alternâncias a gente tem colocado dentro do campo, saindo em um 4-3-3 ou em um 4-4-2 como foi contra o Sport; alterando no meio da partida para um 4-4-2 com um pouco mais de liberdade para os jogadores de meio; colocando jogadores com mais destreza para segurar a bola e organizar pela técnica, como o Paulo (Henrique Ganso) e Cazares. Não vejo que esse momento seja ideal para fazer isso (mudar) porque as decisões estão aí.

foto Mailson Santana Flick Fluminense Football Club

Sobre o autor