Tática Didática: O pobre futebol do Fluminense preocupa pra Libertadores

O Fluminense visitou o América Mineiro pela 15° rodada do Campeonato Brasileiro. No entanto, foi mais uma partida decepcionante do Tricolor Carioca, em termos de desempenho.

O time comandado por Roger Machado foi até mais propositivo do que naturalmente está acostumado, porém continuou tendo como proposta de jogo principal a transição ofensiva rápida. Se defendeu primordialmente em bloco médio e baixo, esperando o América para poder sair num contra-golpe. Diante disso, faltou profundidade para o time carioca, o Fluminense quando recuperava a bola não atacava em bloco.

Além disso, no momento em que tentava propor mais o jogo faltava-lhe aproximação e opções de passe. Samuel Xavier foi o desafogo Tricolor na primeira etapa, porém está única alternativa não foi suficiente.

O resultado é tão ruim quanto o desempenho. No vídeo abaixo, explicamos mais sobre estes problemas e como podem impactar no jogo de ida das quartas de final da Libertadores. Assista e responda: Está confiante no Flu?

Foto destaque: Lucas Merçon

Sobre o autor