Em campo, Roger Machado luta por vaga na semifinal da Libertadores. Fora, luta por autores negros e indígenas

Roger Machado financia publicação de livros de autores negros e indígenas

Roger Machado é incentivador de um projeto destinado a dar visibilidade a autores negros e indígenas. Desde o ano passado, doze livros do selo Diálogos da Diáspora foram publicados com apoio do projeto social Canela Preta, liderado por Roger, que “dá voz a quem não teve chance”, como ele afirma.

Com menos de 10% dos livros publicados no Brasil são escritos por essas minorias e Roger decidiu tentar mudar esse cenário após conversar com Tadeu de Paula, professor na Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Eles concluíram que, “depois das cotas, muito material de qualidade era produzido, mas não gerava interesse no mercado editoral”.

Sobre o autor