Nino comenta sobre Libertadores: ‘Estou pronto’

Recebido com festa pelo elenco, zagueiro disse que o Fluminense já deu provas de sua força antes das quartas de final

O Fluminense entrará em campo nesta quinta-feira para enfrentar o Barcelona de Guayaquil, do Equador, reforçado por um campeão olímpico. De volta para casa, o zagueiro Nino está à disposição do técnico Roger Machado para a partida que abre o confronto de quartas de final da Libertadores. Agora, o camisa 33 vira a chave e já vislumbra no horizonte a possibilidade de realizar mais um sonho em sua carreira, o de conquistar o título da competição continental.

Para isso, no entanto, o Fluminense precisa dar um passo de cada vez. E o próximo será no Maracanã, nesta quinta, às 21h30. Segundo Nino, a expectativa é por uma partida muito difícil, mas o zagueiro afirmou que o Tricolor já deu provas de que está preparado para superar mais um desafio.

“Esse é o tipo de partida que todo jogador gosta de jogar. É um jogo decisivo, em que os detalhes vão fazer a diferença. Nosso time está muito preparado. Temos que continuar jogando da maneira que encaramos o outro mata-mata da Libertadores porque já mostramos a nossa força nessas partidas eliminatórias”, disse.

E Nino mostrou que está mesmo empenhado no objetivo de avançar à semifinal. O zagueiro antecipou seu retorno aos treinos mesmo ainda em fase de readaptação ao fuso-horário para retomar o ritmo da equipe e estar 100% para o jogo desta quinta. Seu retorno ao clube após a realização de um sonho, aliás, foi repleto de justas homenagens.

“Posso dizer que vivi uma experiência incrível, e quando voltei fui muito bem recebido. Fiquei muito feliz de saber da torcida de todos enquanto estive lá nos Jogos. Muito feliz de estar de volta, para minha casa e para esse grupo que eu tanto amo”, declarou o jogador, que garantiu estar inteiro para a decisão:

“Já estou me readaptando à diferença de fuso-horário, mas estou pronto, assim como o Fluminense. A gente vem fazendo uma ótima Libertadores e temos todas as condições de seguir fazendo grandes jogos até a final”.

Fotos: Mailson Santana e Lucas Merçon/FFC
Texto: Comunicação/FFC

Sobre o autor