TV Globo pode voltar a transmitir Cariocão em 2022

Após ficar de fora da transmissão do Campeonato Carioca em 2021, a TV Globo pode voltar a transmitir a competição em 2022.

Nesta segunda-feira (20), todas as equipes que disputam a Série A do Cariocão irão se reunir no arbitral da competição e entre um dos assuntos que estará em debate será a transmissão da Globo em 2022.

Lembrando que o último Cariocão teve transmissão do SBT em TV aberta e o pacote de payperview ficou a cargo dos clubes e da própria Ferj.

Ficam os Clubes da Série A de Profissionais, além do Representante da Categoria de Atletas, na forma dos artigos 59 e 60 do Estatuto, convocados para participarem da Reunião do Conselho Arbitral a ser realizada no dia 20 de setembro de 2021 (segunda-feira), às 15:00h, na sede da FERJ localizada na Av. Professor Manoel de Abreu, n° 76, Maracanã, Rio de Janeiro RJ, com o objetivo de tratar da seguinte ordem do dia:

1) Prazos dos contratos de cessão de direitos do Campeonato Carioca.

2) Critérios de distribuição aos clubes dos recursos dos contratos de Direitos Internacionais de 2021 e de 2022

3) Critérios distribuição aos clubes de recursos oriundos contrato de TV aberta e respectivas

inserções para o Campeonato Carioca de 2022.

4) Critérios de distribuição aos clubes dos recursos de outras mídias para o Campeonato Carioca de 2022

5) Propostas reais existentes de interessados em propriedades do Campeonato Carioca de 2022, a serem apresentadas pela Sportview.

6) Proposta da TV Globo para o Campeonato Carioca

7) Outros assuntos de competência do Conselho arbitral pertinente ao Campeonato Carioca de 2022

8) Assuntos gerais.

Os filiados deverão se fazer representar preferencialmente pelo seu presidente, ressaltando-se que além das medidas já adotadas de sanitização ambiental, distanciamento, uso de máscaras, disponibilização de álcool gel e outras, de acordo com as recomendações das autoridades de saúde no combate à disseminação da COVID-19, todos os participantes deverão, ao chegar a FERI, ser submetidos ao questionário clinico epidemiológico e teste rápido de swab masal (exceto os que comprovarem teste similar não reagente realizado nas últimas 48h ou que já tenham se recuperado de infecção por Covid-19) para detecção de Ag do Sars.CoV.2, sendo imperativo para a entrada nas dependências da entidade a ausência de dados sugestivos de contagiosidade.

Foto em destaque: Divulgação

Deixe uma resposta