Preparador de goleiros Flávio Tenius diz “Muito feliz aqui”

https://www.betnacional.com?p=canalflunews

Pouco mais de um mês de trabalho foi tempo suficiente para Flávio Tenius se impressionar com o que viu. Já ambientado na casa nova, o coordenador técnico da preparação de goleiros agradeceu pelo acolhimento e fez questão de tecer elogios aos profissionais que encontrou no clube, como os preparadores da equipe principal.

“É um prazer enorme viver essa experiência. Já havia trabalhado nos outros três grandes do Rio, mas no Fluminense ainda não tinha tido a oportunidade. Fui muito bem recebido. Passei o mês de dezembro acompanhando o trabalho do Sub-20 que está na Copinha, e o pessoal lá me recebeu muito bem. E aqui (no profissional) não foi diferente. Depois da apresentação da equipe, passei a conhecer as pessoas, algumas com quem eu já havia trabalhado. Agora isso se repete aqui com o André (Carvalho), que eu já conhecia do meio, e o Josmiro (de Góes), que são ótimos profissionais. Só tenho a dizer que fui muito bem recebido e estou muito feliz aqui no Fluminense”, declarou.

Em sua função, Flávio Tenius tem a responsabilidade de coordenar todo o departamento da preparação de goleiros, desde as categorias de base até o futebol profissional, implementando e integrando a metodologia de trabalho.

“Eu sempre trabalhei dessa maneira, observando o clube todo como um só, base e profissional. Acho que o objetivo maior desse meu trabalho aqui no Fluminense é esse. Temos excelentes profissionais trabalhando tanto na base quanto aqui, e eu venho para ajudar, passar um pouco da minha experiência e trabalhar junto desses profissionais para que o Fluminense continue a ser uma escola de goleiros”, concluiu.

Tenius afirmou que sua responsabilidade é ainda maior ao atuar em prol de uma posição que já contou com grandes nomes, que fazem parte da história tricolor. O novo coordenador da preparação de goleiros citou como exemplos os ídolos Marcos Carneiro de Mendonça, Castilho, Félix e Diego Cavalieri.

“Estávamos falando aqui outro dia que o primeiro goleiro da primeira Seleção Brasileira (Marcos Carneiro de Mendonça) foi do Fluminense, e isso poucas pessoas sabem. Tem o Castilho, bicampeão mundial e que hoje dá nome ao CT. O goleiro tricampeão do mundo (Félix) era daqui também. Mais recentemente tivemos o Cavalieri, campeão brasileiro. São nomes que o torcedor não esquece até hoje, e nós queremos continuar nessa sequência, para colocar goleiros na Seleção Brasileira e ajudar a conquistar títulos para o clube”, disse.

Como preparador de goleiros, Flavio Tenius acumula passagens vitoriosas por clubes como Cruzeiro, Flamengo, Corinthians, Atlético-MG, Vasco e Botafogo. O profissional também trabalhou na Seleção Brasileira Sub-20 entre 1994 e 1996, contribuindo na conquista do título Sul-Americano e no vice-campeonato do Mundial da categoria (ambos em 1995). Ele foi o responsável por formar goleiros que chegaram à Seleção Brasileira, como Jefferson, Júlio César, Gomes e Fábio, com quem voltou a trabalhar no Fluminense.

Fotos: Marcelo Gonçalves/FFC
Texto: Comunicação/FFC

#canalflunewsvozdotorcedor

Sobre o autor