Flu Sub-17 enfrenta o Vasco pela Copa do Brasil, nesta terça-feira

O time Sub-17 do Fluminense enfrenta nesta terça-feira (17/05), às 19h, o Vasco, em São Januário, pela partida de ida das quartas de final da Copa do Brasil da categoria. Os Moleques de Xerém terão o reforço do meia Arthur, o “Príncipe de Xerém”, que estava atuando como camisa 10 pela equipe Sub-20 na Taça Guanabara. O jogo terá transmissão do SporTV.

“Estou muito feliz em poder atuar nesta partida e ajudar meus amigos a buscar a classificação. Eu tenho o sonho de conquistar o título da Copa do Brasil Sub-17, que é uma taça inédita para o Fluminense. Espero poder ajudar a colocar o nome da Geração 05 – atletas nascidos em 2005 – na história do clube. Jogo com eles desde o futsal e acredito que juntos vamos conquistar nossos objetivos”, disse.

Arthur é o jogador mais jovem na história do Fluminense a vestir a camisa profissional do clube. Chamado de “Novinho” pelos jogadores do Sub-20 e “Príncipe Arthur” ou “Príncipe de Xerém” pelas mídias especializadas na base brasileira, o meia se diverte com os apelidos e diz que acha divertido ter este reconhecimento nos jogos e nas redes sociais.

“É engraçado, eu gosto. Acho bem legal mesmo. O Novinho surgiu por estar sempre atuando com os jogadores mais velhos do que eu, e o Príncipe Arthur surgiu nas redes sociais. Uma página dedicada à base viu meus jogos na Seleção e começou a me chamar assim. Sei que é por conta da história do Rei Arthur. São apelidos positivos, não tem como não gostar. Acredito que isso é uma forma de elogio pelo trabalho que estou desenvolvendo”, brincou o meia, que já treinou com a equipe Sub-17 em Xerém.

O Sub-17 do Fluminense chega nas quartas de final da Copa do Brasil com 14 gols marcados, em apenas três jogos. O time do técnico Daniel Pinheiro venceu o Comercial (MA) na primeira fase por 5 a 0 e nas oitavas, passou pelo Goiás, com 9 a 3 no agregado (2×4 e 5×1). Os artilheiros do time na competição são o meia Agner e os atacantes Marcão e Crysthyan Lucas, todos com três gols marcados.

Comunicação FFC
Fotos: Mailson Santana/FFC

Base do Fluminense têm fim de semana de excelente retrospecto

Os resultados conquistados pelo Fluminense ao longo deste fim de semana exemplificam o sucesso do trabalho realizado nas categorias de base do clube. Com 15 gols marcados e 12 sofridos, os Moleques de Xerém saíram vitoriosos em oito dos seus 10 jogos.

Os triunfos por 3 a 2 sobre o Flamengo, em clássicos válidos pela Copa Rio Sub-17 e pelo Campeonato Metropolitano Sub-13, ganharam destaque em meio a mais uma rodada de excelente retrospecto dos Tricolores. Além disso, o Flu venceu o Resende, por 2 a 0, pelo Campeonato Carioca Sub-20.

CONFIRA OS RESULTADOS

SEXTA-FEIRA (13/05):

Campeonato Carioca Sub-20 – 8ª rodada

Estádio do Trabalhador

15h – Resende 0 x 2 FLUMINENSE

Gols: Arthur e Isaac

SÁBADO (14/05):

Taça Edilson Silva Sub-9 – 6ª rodada

Centro de Treinamento Vale das Laranjeiras

9h – FLUMINENSE 2 x 1 Serrano

Gols: Arthur Batista e David Henrique

Copa Rio Sub-15 – Semifinal – 1º jogo

CEFAT

9h – Botafogo 2 x 2 FLUMINENSE

Gols: Riquelme Felipe e Keven Samuel

Taça Edilson Silva Sub-10 – 6ª rodada

Centro de Treinamento Vale das Laranjeiras

10h40 – FLUMINENSE 2 x 0 Serrano

Gols: Isaac Vidal e Leny Alves

Campeonato Metropolitano Sub-12 – 7º rodada

Centro de Treinamento Vale das Laranjeiras

14h – FLUMINENSE 1 x 1 Vasco

Gol: Crystian Gabriel

Copa Rio Sub-17 – Semifinal – 1º jogo

Gávea

15h – Flamengo 2 x 3 FLUMINENSE

Gols: Luis Fernando (2) e Gustavo Cintra 

Campeonato Metropolitano Sub-11 – 7ª rodada

Centro de Treinamento Vale das Laranjeiras

15h40 – FLUMINENSE 0 x 2 Vasco

DOMINGO (15/05):

Campeonato Metropolitano Sub-13 – 8ª rodada

CT das Vargens

9h – Flamengo 2 x 3 FLUMINENSE

Gols: Kayke de Oliveira, Danilo Melo e Kauan Felix

Campeonato Metropolitano Sub-14 – 8ª rodada

CT das Vargens

10h40 – Flamengo 2 x 0 FLUMINENSE

Texto: Comunicação/FFC
Foto: Leonardo Brasil/FFC

Agenda da Base: Fluminense enfrenta Flamengo, Vasco e Botafogo, em jogos decisivos

No sábado (21/05), em Laranjeiras, o Tricolor busca garantir a classificação para a decisão da Copa Rio Sub-15 e Sub-17. Os mais velhos abrem o dia de jogos, às 10h, contra o Flamengo, enquanto os mais novos entram em ação às 15h, diante do Botafogo. Os duelos são válidos pela volta da semifinal da competição.

O Sub-20, por sua vez, encara o Flamengo, domingo (22/05), às 10h, em Laranjeiras, pela 9ª rodada do Campeonato Carioca. Os confrontos das categorias inferiores, pelo Campeonato Metropolitano e pela Taça Edilson Silva, completam a programação de Xerém.

A semana de clássicos decisivos dos Moleques de Xerém começa cedo. Para abrir a agenda de compromissos da base, o Fluminense vai a campo nesta terça-feira (17/05), quando enfrenta o Vasco, às 19h, em São Januário, pela ida das quartas de final da Copa do Brasil Sub-17.

CONFIRA A AGENDA DOS MOLEQUES DE XERÉM:

TERÇA-FEIRA (17/05):

Copa do Brasil Sub-17 – Quartas de Final – Jogo de Ida

19h – Vasco x FLUMINENSE

São Januário

SÁBADO (21/05):

Campeonato Metropolitano Sub-11 – 8ª rodada

9h – Flamengo x FLUMINENSE

CT das Vargens

Copa Rio Sub-17 – Semifinal – Jogo de Volta

10h – FLUMINENSE x Flamengo

Laranjeiras

Campeonato Metropolitano Sub-12 – 8ª rodada

10h40 – Flamengo x FLUMINENSE

CT das Vargens

Campeonato Metropolitano Sub-14 – 9ª rodada

14h – Boavista x FLUMINENSE

CT Valdir Bigode

Copa Rio Sub-15 – Semifinal – Jogo de Volta

15h – FLUMINENSE x Botafogo

Laranjeiras

Campeonato Metropolitano Sub-13 – 9ª rodada

15h40 – Boavista x FLUMINENSE

CT Valdir Bigode

DOMINGO (22/05):

Taça Edilson Silva Sub-9 – 7ª rodada

9h – FLUMINENSE x Vasco

Centro de Treinamento Vale das Laranjeiras

Campeonato Carioca Sub-20 – 9ª rodada

10h – FLUMINENSE x Flamengo

Laranjeiras

Taça Edilson Silva Sub-10 – 7ª rodada

10h40 – FLUMINENSE x Vasco

Centro de Treinamento Vale das Laranjeiras

Texto: Comunicação/FFC
Fotos: Leonardo Brasil/FFC

Saiba tudo, sobre a programação do Departamento de Futebol Profissional


Abaixo a programação do Departamento de Futebol Profissional do Fluminense Football Club entre os dias 16 e 22 de maio de 2022.

16/05 – Segunda-feira

  • 15h30 – Treino – CTCC

17/05 – Terça-feira

  • 09h30 – Treino – CTCC
  • Após – Viagem Santa Fe, Argentina

18/05 – Quarta-feira

  • 15h30 – Treino

19/05 – Quinta-feira

  • 19h15 – Sul-americana
  • Estádio 15 de Abril
  • Union x Fluminense

20/05 – Sexta-feira

  • Viagem Fortaleza

21/05 – Sábado

  • A programar

22/05 – Domingo

  • 16h00 – Campeonato Brasileiro
  • Castelão
  • Fortaleza x Fluminense

*Escala sujeita a alterações

Fluminense terá viagem de 5h para encarar Unión Santa Fe

O Confronto entre Fluminense e Unión Santa Fe nesta quinta-feira (19), às 19h15, pela penúltima rodada da Sul-Americana, valerá a permanência do Tricolor na competição. Por outro lado, antes mesmo de iniciar o jogo, a comissão técnica e elenco terão que encarar uma viagem de 5h para chegar ao Estádio 15 de abril. A informação é do portal “GE”.

Ainda de acordo com o portal, o Fluminense embarcará nesta terça-feira para Rosário, na Argentina, após o treino pela manhã. O voo fretado dura em torno de 3h, mas além disso, o Tricolor terá que viajar cerca de 2h de ônibus para Santa Fe.

Nesta quarta-feira, o Fluminense treinará no centro de treinamento do Colón, onde o time irá finalizar a preparação para o confronto, que pode eliminar o Tricolor da Sul-Americana em caso de derrota. A equipe de Fernando Diniz é a terceira colocada no Grupo H e soma sete pontos.

foto Mailson Santana.

Presidente do Fluminense, explica ‘Não é só a questão do percentual. Existem uma série de discussões’..da Libra

O Fluminense recebeu os presidentes de outros 24 clubes para uma nova reunião. O encontro aconteceu em São Conrado, zona sul do Rio de Janeiro, no hotel que patrocina o Tricolor. Em contato com os jornalistas, o presidente Mário Bittencourt explicou o que ficou definido nesse primeiro momento. O próximo passo é voltar à mesa com os representantes da Libra em busca de um acordo.

Estiveram nesta reunião: América-MG, Atlético-GO, Avaí, Ceará, Athletico-PR, Atlético-MG, Coritiba, Cuiabá, Juventude, Fluminense, Fortaleza, Goiás, Internacional, Chapecoense, Brusque, CSA, CRB, Náutico, Criciúma, Guarani, Londrina, Operário, Sampaio Corrêa, Sport e Vila Nova. As empresas Live Mode e Alvarez & Marsal foram nomeadas pelo grupo como consultores e participam das conversas.

Para isso, foi formada uma comissão com seis clubes, além de um representante da Associação Nacional de Clubes de Futebol (ANFC) que representa um bloco de equipes da Série B. A nova divisão das receitas proposta é de 45% igualitários, 30% de performance e outros 25% por engajamento. Esse último critério causa debate pois é considerado subjetivo.

“Não é só a questão do percentual. Existem uma série de discussões, em especial o engajamento em que nos preocupamos bastante. Não temos um número ainda, e sim, uma ideia já assinada. Uma ideia de uma distribuição melhor, onde declaramos em carta aberta há alguns dias atrás, que a gente entendia qual seria o número interessante. Mas não é um número fechado, como o número deles (grupo que aderiu a Libra) não é também. Pode ser que esse debate técnico, a gente entenda que a limitação do menor para o maior, por exemplo, supra a diferença dos 45, 50 ou 40”, explicou.

Os clubes que lideram a Libra também contrataram empresas especialistas para assessorar nas negociações. Perguntado se isso poderia dificultar o processo e aumentar as divergências, Mário explicou como funciona essa atuação.

“Eu não vejo dessa forma, até porque todas elas podem trabalhar juntas no futuro. E nós aqui, hoje, definimos que as empresas vão nos assessorar na negociação. Mas que não haverá para o futuro seja de venda de direito, seja para venda para um investidor da Liga. Inclusive, entendemos que outras empresas podem participar. A gente pode abrir o processo de concorrência, para quando a Liga estiver formada. Isso não inviabiliza de jeito algum o bom trabalho da empresa que os representa, bem como que nos representa e até possam, num acordo, trabalhar juntas”, disse.

foto Mailson Santana

Reunião entre 23 Clubes Brasileiros, aconteceu no Rio de Janeiro, buscando entendimento com a Libra

A Reunião contou com a presença de 24 clubes da série A e B, nesta segunda-feira 16.05.22, no Rio de Janeiro, no Hotel Nacional (patrocinador do Fluminense) e das consultoras Alvarez & Marsal e LiveMode, para terem um estudo aprofundado a respeito das divisões de verbas em uma futura Liga do Brasil. O tema é motivo de discórdia entre o Forte Futebol e os 10 times que aderiram à Libra: Botafogo, Corinthians, Cruzeiro, Flamengo, Palmeiras, Ponte Preta, Red Bull Bragantino, Santos, São Paulo e Vasco.

A Reunião contou com a presença dos clubes: América-MG, Athletico-PR, Atlético-GO, Atlético-MG, Avaí, Ceará, Coritiba, Cuiabá, Fluminense, Fortaleza, Goiás, Juventude e Internacional, da Série A, e mais Brusque, Chapecoense, CRB, Criciúma, CSA, Guarani, Londrina, Náutico, Operário, Sampaio Corrêa, Sport e Vila Nova, da Série B.

Segundo apuração do CanalFluNews Colorado e Galo entraram como “ouvintes” e “mediadores” do Forte Futebol. Além disso, foi formada uma comissão com seis participantes para a reunião futura com a Libra. Os integrantes são: América-MG, Atlético-MG, Fluminense, Fortaleza e Inter, além da ANCF (Associação Nacional de Clubes de Futebol).

O encontro foi bem produtivo para os integrantes, que entendem de uma maneira mais técnica e aprofundada a divisão das cotas. A partir de agora, a ideia dos clubes é marcar um novo encontro com os integrantes da Libra, o mais rápido possível, a fim de um avanço nos diálogos em definitivo para a liga sair do papel.

A Libra, inicialmente, havia pedido que as cotas fossem divididas em 40% igualitárias, 30% proporcionais ao resultado esportivo e outros 30% equivalentes à audiência, presença em estádio e engajamento em redes sociais. Este grupo inicialmente queria que a divisão fosse 50-25-25.

Os dois lados conseguiram alcançar um acordo que o melhor formato seja o de com 45% de forma igualitária, 25% referente a resultado esportivo (posição na tabela de classificação) e 30% de acordo com audiência, que os times do Forte Futebol brigam para que não seja medida apenas com interações em redes sociais.

Outro ponto de discussão entre os dois grupos está na fatia dos recursos a ser destinada aos clubes que estão na Série B do Campeonato Brasileiro. A Libra inicialmente propôs 15%, enquanto outros clubes querem 20%.

A entrada de clubes como Atlético-MG e Internacional no grupo, que antes era de 23 clubes, foi muito bem vista pelos demais, que entendem ser um cenário mais favorável para as equipes da Libra cedam a novos pedidos e acordos favoráveis aos 40 times.

De acordo com apuração, a Liga não sairá do papel caso não exista uma voz uníssona entre os 40 clubes. Se houver um dissidente, o acordo não acontecerá.

A princípio, a parte financeira ficará a cargo da Liga, sem que a CBF tenha interferência. Por outro lado, os clubes entendem que a entidade conta com pontos positivos e poderá auxiliar na criação do campeonato na área de departamento de registros e de competições, este para a montagem da tabela. A arbitragem também ficaria sob critério da confederação em um primeiro momento.

A ideia do grupo de 25 clubes é levar uma contraproposta o mais rápido possível à Libra. Uma reunião deverá acontecer entre esta semana e a próxima.

Haverá uma busca incessante por um acordo financeiro entre os 40 clubes e, apesar de estar disposto ao diálogo, o grupo de 25 clubes não irá “ceder em todos os pontos”, conforme apurado pela reportagem.

Fernando Diniz e Nino exaltam o desempenho de Germán Cano, leia!

Fluminense conquistou vitória sobre o Athletico-PR, em Volta Redonda. Fluminense contou com os gols de Germán Cano, que se tornou ídolo da torcida e vem sendo exaltado dentro do clube.

O técnico Fernando Diniz destacou a mudança de comportamento dentro de campo de Cano.

“Isso é um talento que a gente não ensina. Tem que aproveitar. É talento. Não dá para treinar uma pessoa para ser parecida com Cano ou Fred. O que a gente foi entendendo é que ele poderia ser um jogador mais completo. É um dos caras que mais corre no Fluminense e era no Vasco, mas antes de eu chegar era um dos que menos corria. Participa do jogo pegando na bola. Vem, sai da área, vai para um lado, para o canto, e isso não inibe ele de fazer gol. Comigo tem sido assim. Falei para ele: ‘Quanto mais você participar do jogo, você vai estar lá na hora certa para fazer o gol’. Então, além de fazer gol, ele é fundamental na parte tática, no espírito que o time tem que ter”, disse.

O zagueiro Nino foi outro a rasgar elogios ao companheiro.

“É espetacular, finalizador nato. Cara que faz muitos gols, mas vai muito além dos gols que faz. Ele se entrega muito pelo time. Se a gente parar para reparar o quanto que ele corre durante o jogo, o quanto ele ajuda na marcação, o tanto que ele dá opção… Então é um cara que encaixa muito bem em qualquer time em que ele estiver. É um privilégio para o Fluminense ter um jogador como ele. Um cara que tem tudo para virar um ídolo do clube por todos os gols que ele faz e por tudo que ele entrega dentro de campo”, declarou.

O Fluminense vai precisar dos gols de Germán Cano nesta quinta-feira, contra o Unión-ARG, na Argentina, às 19h15 (de Brasília). Os tricolores têm que vencer para manterem boas chances de classificação na Sul-Americana.

foto Marcelo Gonçalves FFC

Germán Cano fala sobre a vitória ‘Trabalho duro…, fazer gols dá muita confiança’ leia na íntegra

O Fluminense venceu na noite deste sábado, em Volta Redonda, o centroavante Germán Cano, fez os dois gols da vitória por 2 a 1 diante do Athletico-PR, pelo Brasileiro.

São 15 gols na temporada em 30 jogos. Nos últimos três jogos, marcou quatro vezes. O jogador quer muito mais e diz que tudo isso , é fruto de muito trabalho:

– Acho que estou muito bem. Fazer gols dá muita confiança para continuar mais ainda.

– Trabalho duro, todos os dias. Trabalho é fundamental para continuar como estou fazendo agora. Feliz pela vitória do time, que estava precisando muito. Agora é continuar, descansar para o que vier – disse Cano.

Foi a segunda vitória tricolor na competição. Nas comemorações dos gols, Cano fez o tradicional “L”, em homenagem a seu filho Lorenzo.

– Ele pediu dois gols hoje, a comemoração é para ele, que está na Argentina.

O Fluminense volta a jogar quinta-feira, mas pela Copa Sul-Americana. Enfrenta, na Argentina, o Unión, às 19h15. Pelo Brasileiro, entra em campo domingo, às 16h, contra o Fortaleza, fora de casa.

foto Marcelo Gonçalves FFC

Nino comenta ‘agora é virar a chave, temos uma decisão na próxima semana’

Zagueiro Nino , capitã na ausência de Fred, em entrevista coletiva concedida após a vitória Tricolor em cima do Furacão por 2 a 1. Comenteu sobre o próximo confronto na Sul-Americana, as mudanças do Técnico Diniz e a evolução do time

– É mais uma decisão, está sendo corriqueiro isso. A cada semana partidas decisivas, foi assim contra o Junior Barranquilla em casa, contra o Vila Nova na Copa do Brasil, hoje era uma partida extremamente decisiva para a gente, e quinta-feira mais uma. Está virando hábito, temos que virar a chave dia após dia. Temos trabalhado para que todo mundo esteja bem porque vai precisar de todo mundo. Estamos muito focados para esses jogos fora de casa, jogos extremamente importantes. Vai ser muito difícil lá na Argentina, mas a gente acredita muito nessa classificação e vai lá com esse pensamento para buscar mais uma vitória – declarou o capitão Nino.

O zagueiro destacou a alta intensidade e o volume ofensivo do time e saiu em defesa da saída de bola com toques na defesa, tradicional do treinador:

– A gente tem tentado jogo após jogo colocar ainda mais em prática os pedidos do professor Diniz, e acho que temos feito isso bem. Acho que nosso time começou muito bem, com intensidade muito alta, conseguimos manter isso em boa parte do jogo. E o mais importante, agredindo o adversário com organização. Temos tentado crescer. A gente sabe que é só o começo de um trabalho, temos muito a melhorar, e esse é o nosso foco. (…) Acho que tivemos muito mais oportunidades de fazer (gols) através dessa saída (de bola) do que de tomar. E é claro, a gente vai trabalhar para que esses erros sejam cada vez mais raros. Temos treinado muito, não é decidido fazer na hora, está já automatizado.

O zagueiro elogiou o centroavante, autor dos dois gols da vitória sobre o Athletico-PR e artilheiro do time na temporada com 15 bolas na rede, e exaltou a entrega do argentino em campo:

– É espetacular, finalizador nato. Cara que faz muitos gols, mas vai muito além dos gols que faz. Ele se entrega muito pelo time. Se a gente parar para reparar o quanto que ele corre durante o jogo, o quanto ele ajuda na marcação, o tanto que ele dá opção… Então é um cara que encaixa muito bem em qualquer time em que ele estiver. É um privilégio para o Fluminense ter um jogador como ele. Um cara que tem tudo para virar um ídolo do clube por todos os gols que ele faz e por tudo que ele entrega dentro de campo – encerrou.

foto Marcelo Gonçalves FFC