Opinião – O Fluminense é de todos !

Mário se posiciona politicamente, e em seu Instagram pessoal manifesta apoio a movimento que se diz democrático.

Mário Bittencourt tem sido impiedoso na sua convicção que não se pode ter futebol nesse momento; até ai é uma leitura bastante cautelosa e compreensível , apesar de discordar e achar que poderia se flexibilizar pelo menos para treinamentos; a decisão dele talvez seja a mais correta . Até porque do outro lado tem Flamengo e Vasco, e a famigerada FFERJ. Bola pra frente!

Porém isso tem que ser avaliado com calma e o Fluminense não pode estar fora da mesa para se posicionar e estudar possibilidades, mesmo que não seja em breve, o Futebol terá que voltar em um momento, e o papel do Presidente do Clube é estar junto as entidades e discutindo com os clubes esse retorno, com protocolos e soluções viáveis , o que não pode é o Futebol parar, como qualquer outra atividade provavelmente teremos que nos adaptar a essa nova realidade! A roda gira, o planeta continua girando, e soluções devem ser tomadas de forma inteligente, sem radicalismo, como Futebol não é essencial (será?), cabe adendo. A Bundesliga voltou, a CBF já se pronunciou para a volta, e o Fluminense tem que estar atento.

Mas vamos falar de coisas boas? o Fred veio, enfim !
Golaço do Mário Bittencourt! E o Monstro ? Difícil mas não é impossível, e nosso Presidente que gosta de uma brincadeira postou em seu Instagram uma cerveja da qual inclusive gosto também; chamada Beck’s marketing gratuito? Ele quer deixar a galera apreensiva!! Vem Monstro! Fred brincou, dizendo que assim foi com ele também…

Mas vamos a uma crítica que acredito ser propositiva e torno pública afim de chegar a seu conhecimento;
Lógico que é um direito imprescindível de qualquer indivíduo se expressar e declarar qualquer posicionamento; mas é bom lembrar que o Fluminense é um CLUBE DE TODOS; Sim esqueçam essa alcunha de Clube da Elite, somos do POVO, e aqui aproveito e faço mais um elogio ao nosso Presidente ; o lançamento das Camisas Umbro, com o Xamã , aonde vi algumas críticas, mas muitos elogios também e cabe aqui frisar, foi um acerto,outro Golaço! Parabéns! Xamã é da periferia, tem um histórico de luta.
Opa! Mas e a crítica?
Enfim, Mário quando você assina um Manifesto dizendo-se pela Democracia com símbolo de esquerda, com diversos militantes confessos de esquerda, que se dizem democráticos mas já deram diversas demonstrações contrárias , você de forma indireta comete um erro como Presidente do Fluminense! Pois o Fluminense não é de Esquerda nem de Direita! O Fluminense é de Todos! Já não basta o Vice Geral ser confessadamente contra o governo; o presidente deveria tomar mais cuidado, vi diversas críticas a esse posicionamento, e vejo como lamentável a postagem por tudo que envolve esse movimento que nada tem de democrático de fato! Pois seus atores , exceto você e algumas exceções, não são!
Serei estúpido, se não me encorajar, prezando pelo carinho e respeito que tenho por sua pessoa, e parabenizando por suas realizações até aqui . Atenção Mário, visões diferentes , somos diversos , o Fluminense é de todos!
E que o racismo seja combatido diariamente no Fluminense, de forma contumaz, o Fluminense não precisa de campanha com Hastag, imitando a “galera” em tempo de guerra política. Não se curve ao mainstream e a patrulha . O Fluminense é maior que tudo isso, não precisa marcar posicionamento junto com os demais, esse posicionamento deve ser corriqueiro e contumaz. Pois para muitos que são anti racistas soa como hipocrisia barata, pois a esquerda sequestra bandeiras para si e de forma injusta ataca seus adversários políticos; Não ser curve a movimentos ANTIFA, pseudo democráticos ou demais de qualquer espectro.
Um pedido gentil de quem torce pelo Fluminense, vive Fluminense e representa parte da torcida do Fluminense que se opõem a esquerda.

Por Marco Velloso

Opinião – Fluminense está equivocado em se posicionar de forma radical

Vice Presidente do Fluminense ao se pronunciar contra Governo Federal e clubes co-irmãos , joga para galera e age de forma equivocada .

Talvez tentando embarcar no momento de pequeno declínio popular do Presidente da República naquela data e aproveitando se do fato de duas agremiações rivais estarem reunidas com nosso representante máximo do executivo da Federação. Dr Celso Barros me fez questionar sobre como se deve, o Fluminense e quem está a frente do clube agir .

Deixar sua posição pessoal sobre retorno ou não do futebol Brasileiro nesse momento é algo salutar e compreensivel, até porque ele é médico e tem alguma capacidade mínima para nesse contexto dar seu parecer , e ele diz priorizar vidas humanas num contexto e é até de se admirar e tem até uma lógica , disso ele não fugiu . Mas há outros pontos que analisei que vejo imprudência nas declarações dele .

Um ponto relevante mediante tudo isso é a marcação política dele. Tal como Raí do São Paulo critiquei muito , Celso não irá fugir a isso . Citar termos ao fim da postagem como “Gripezinha” deu ênfase num posicionamento particular político dele , ou seremos ingênuos !? Não! Ele da uma cutucada no nosso Presidente, mas ao Lula , condenado, ele até hoje replica em suas redes sociais . Direito dele mas cabe registro .

Mas antes fosse só isso. Foi além , aliás se fosse isso não me daria o trabalho de escrever , era completamente inteligente ignorar .

A questão está a volta ou a viabilidade de se retornar as atividades esportivas , discussão de calendário , e da volta de jogos com ou sem público! Opa pera lá!
Como assim ?! Não estava lá não sabe detalhes do que foi conversado e ataca a Flamengo e Vasco a troco de nada e sendo contra a volta do Futebol , esporte esse que é a mola propulsora das finanças do Clube e da existência do Clube , o Fluminense é pioneiro tem que estar discutindo na CBF , na FERJ e em qualquer dos Governos a viabilidade do retorno das atividades desportivas , se vai ser em Junho, Julho , Agosto ou Setembro , ele deve estar inserido nesse contexto e não simplesmente marcar uma posição contrária de forma mimada e teimosa retumbando o famoso #fiqueemcasa como se o mundo pudesse parar , discutir se pode ou não ter jogos e dar condicões a isso é fundamental, que seja sem público, que se faça testes nos atletas , levem soluções inteligentes e tentem ajudar nesse processo .

O Fluminense deu uma grande mancada nesse posicionamento , vejo com tristeza que a demagogia patife e o lobby corrente do momento político aproveitando-se dessa crise na saúde tenha atingido em cheio Laranjeiras , pois sabe-se que essa é a posição de nosso Presidente em exercício Mário Bittencourt também, lamentavelmente.

Erra o Fluminense em não tentar entrar nessa discussão e achar soluções, se fechar num casulo trazendo a política do politicamente correto só para não “mancharem” sua imagem e deixar protagonizar Flamengo e Vasco , e pior ainda trazendo uma luta politica do assunto para alfinetar rivais fora de campo .

A vida tem que continuar , o Futebol tem que continuar , há de se adaptar a uma nova realidade , hoje não pode ter público, não tenha , mas gradativamente e de forma responsável esse retorno se torna vital, ou há interesse em não retonar ou arrastar o máximo que puder ?!

Por isso vejo de forma lamentável o posicionamento do Fluminense e seus respectivos gestores em exercício.

Por Marco Velloso

Opinião: Reflexão sobre o momento – o desabafo de um Tricolor

Foto: Reprodução/Vídeo

Vemos nosso maior rival que se estruturou ser campeão da Libertadores… há dias atrás nosso Presidente em exercício, deu uma coletiva falando que projeto de estruturar o clube e suas finanças pode ser de até 12 anos, e da ultra difícil e árdua missão de virar clube empresa! ??? 🤔

Isso é depressivo😭😭 , a gente aceita esse status da política medíocre de décadas do Fluminense e se conforma , ou faz uma revolução de fora pra dentro !?? Precisamos acabar com esse sistema vicioso da política tricolor!

Não muito longe em Curitiba outro clube com menos prestígio que o nosso e menos capacidade de atrair investidores pelo peso da camisa , faz o seu dever de casa.

Só tivemos chances de títulos e conquistamos algo nas últimas duas décadas porque tínhamos a Unimed , que chegou a injetar cerca de 70 milhões anuais !!!! Celso às vezes tem razão…

O que queremos para o Fluminense, continuar disputando para não cair , ou disputar novamente uma final da Libertadores e ficar em destaque no cenário internacional??!

Isso passa por nós!

Virarmos Sócio Futebol, cobrar o Clube e sua GESTÃO. E pedir profissionais atuando em cada área do clube de forma transparente e profissional. Cobrar inclusive nossos amigos Conselheiros!!!