fbpx

Ação solidária. Fluminense faz doações para o Amigos da Infância com Câncer

Pioneiro nas causas sociais, o Fluminense Football Club participou de mais uma iniciativa solidária na manhã desta sexta-feira (13/09), ao fazer a doação de cerca de uma tonelada de alimentos para a AMICCA (Amigos da Infância com Câncer). A instituição sem fins lucrativos tem como objetivo entregar as cestas básicas às famílias de crianças e adolescentes com câncer, disponibilizando meios que promovam a melhoria da qualidade de vida dos pacientes e de suas famílias.

A AMICCA faz um atendimento individual, acompanhando o quadro evolutivo da doença e assistindo crianças, adolescentes e familiares no desenvolvimento, com apoio social e psicológico. Edmundo Coelho, vice-presidente de ação social e governamental do Fluminense, fez as doações ao instituto, além de entregar uma camisa Tricolor à diretoria do projeto.

  • O Fluminense sempre está na vanguarda, procurando ajudar nas questões sociais e pensando nisso, surgiu a vice-presidência de ação social e governamental. O Fluminense se importa com o próximo, se importa com as questões ligadas à área social e toda demanda que vier da sociedade, nós queremos ajudar. Também esperamos ter parcerias junto aos órgãos públicos para ajudar a sociedade em geral – destacou o VP.

Texto: Comunicação/ FFC

Fotos: Mailson Santana/ FFC

“Mudança de modelo já!” Por, Frente Ampla Tricolor (divulgação).

“Mudança de Modelo Já!” (por Frente Ampla Tricolor)

A crise vivida pelo Fluminense desde a década de 90 é fruto não somente de más gestões, mas de falta de entendimento do novo cenário do esporte mundial.

A falta de entendimento que o futebol é muito mais do que um jogo, é um espetáculo a ser vivido e experimentando pelos seus torcedores em todos os momentos, no pré-jogo, na compra de produtos, nas viagens internacionais. O futebol é global e os maiores Clubes do Mundo são aplaudidos em todos os lugares por onde passam, nos 4 cantos da Terra…

O futuro da música “TRICOLOR EM TODA TERRA, AMOR IGUAL NÃO SE VIU” pode não existir se os nossos dirigentes não entenderem que mais importante do que contratar profissionais do esporte temos que MUDAR JÁ o FLUMINENSE FOOTBALL CLUB.

O FLUMINENSE tem que ser o pioneiro em tornar-se uma empresa e atrair investidores para os seus diferentes negócios: gestão da marca, formação de atletas, sede social, estádio das Laranjeiras, gestão de arenas, comercialização de produtos, dentre outros. O FLUMINENSE tem que vislumbrar ser o TIME principal das Américas, mas para isso é importante ter recursos financeiros para sanear as dívidas, formar um time de futebol profissional às alturas da sua tradição, reformar a sede e tantos outros investimentos.

E para isso é obrigatório “abrirmos as nossas portas” para um novo modelo de futebol, que conjuga a nossa paixão com retornos financeiros e que possa valorizar tudo que temos de propriedade, com o risco de que se não o fizermos teremos um Fluminense em plena decadência.

Usando a nossa origem inglesa, temos que olhar o exemplo da Liga mais rica e badalada do mundo: a PREMIER LEAGUE. Todos os principais Clubes, sem exceção são hoje uma potência esportiva porque deixaram o modelo de clube social sem fins lucrativos e passaram a ter investidores na sua administração.

A final da Champions entre o Liverpool e o Tottenham reforça como é possível compartilhar PAIXÃO, RESULTADOS FINANCEIROS, COMPETITIVIDADE.

A alternativa é pedir aos 4.000 sócios proprietários do Clube e aos aproximadamente 150 Beneméritos / Grandes Beneméritos que dividam a dívida de quase R$ 650 milhões de reais e aportem capital no Fluminense. Esta solução ficou para trás e o Fluminense precisa entender isso.

O Presidente do Fluminense possui uma oportunidade única ao final de 2019: terá o controle total dos poderes do Clube, com 150 Conselheiros para realizar a mudança de fato do Clube, a mudança empresarial e não apenas de profissionais. Terá ainda o Presidente da Câmara dos Deputados trabalhando pessoalmente na viabilização deste modelo novo que moderniza os Clubes no Brasil, conforme matéria veiculada no Jornal O GLOBO, no dia 12 de setembro de 2019.

Não perca esta oportunidade Presidente; aproveite que somos o time mais charmoso do Brasil, fidalgo, localizado na vitrine turística brasileira para mostrar para o mundo que o FLUMINENSE NASCEU PARA A ETERNIDADE.

MUDANÇA DE MODELO JÁ!!!!!

Frente Ampla Tricolor
12/09/2019

Carta aberta da Frente Ampla Tricolor aos Torcedores.

UNIÃO E GESTÃO PARA TRANSFORMAR

O Fluminense não precisa mais de diagnósticos, pois temos todos, sabemos das principais doenças (amadorismo, clientelismo, populismo, incompetência, falta de dinheiro…), mas o momento é de buscar alternativas urgentes para sairmos desse imbróglio em que o clube se meteu.

O pensamento de longo prazo é importante para qualquer instituição, não podemos nos afastar de um Fluminense com a sua vocação para a eternidade.

Contudo, o momento é de extrema gravidade e, como tal, há a necessidade de soluções corajosas, desprendidas e urgentes.

Não há “bala de prata”, milionários, mecenas… a solução está em pequenas, mais muitas mudanças.

O clube hoje tem mais “colaboradores remunerados” que sócios na sede, pois estes há muito, não frequentam o clube. Está na hora de estabelecer prioridades. Alguns salários (ou muitos), sejam CLT e/ou PJ, precisam de análise e comparação, pois encontram-se completamente fora do mercado. Se compararmos com o nível de entrega baixíssimo, essas remunerações tornam-se estratosféricas.

Quanto custam os Esportes Olímpicos e toda a sua estrutura?

Há necessidade de se gastar dinheiro com alguns esportes inexpressivos e com resultados questionáveis?

O que fazem alguns ex- atletas em Xerém sem a devida qualificação profissional para os cargos que ocupam?

O clube precisa ser gerido com profissionalismo, austeridade, projeto de recuperação, prioridades bem definidas, para o resgate da sua imagem, ou seja, gestão eficiente e corajosa.

Precisamos resgatar o fascínio e o respeito pelos valores de um clube bem organizado e bem gerido.

Não temos dúvidas que essas medidas não serão suficientes para sairmos dessa crise (a maior do clube), contudo o choque de gestão, atrai a confiança e possíveis parceiros, além de resgatar a esperança dos Tricolores.

Outra questão é o clima de guerra que não arrefece, muito pelo contrário, afastando Tricolores e quadros que muito poderiam contribuir.

A união de forças para enfrentar o momento é imperiosa mas, para isso, a nova gestão precisa buscar talentos, aglutinar os sócios, torcedores, além de criar convergências.

A manutenção do Fluminense na Série A une todos nós. Precisamos acreditar nisso, lutar até o fim por isso.

Precisamos de rapidez ou pode ser tarde.

FRENTE AMPLA TRICOLOR

05/09/2019

Utilidade pública. Campanha de vacinação contra o SARAMPO, crianças e adultos.

No próximo dia 06 de agosto o Ministério da Saúde inicia uma campanha nacional contra o SARAMPO e a POLIOMIELITE, com término dia 31 de agosto.

SARAMPO

Todos os adultos com menos de 50 anos devem tomar a vacina da seguinte forma:

1 – Menores de 49 anos, 1 dose.

2 – Menores de 30 anos, 2 doses.

POLIOMIELITE

Crianças de 12 meses a menores de 5 anos.

Não deixem de se vacinar.

ST.

Ex ponta direita da Máquina Tricolor Búfalo Gil sofreu um infarto ontem, e passa bem.

Ex-ponta-direita da Seleção Brasileira, do Fluminense e do Botafogo, ‘Búfalo’ Gil sofreu um infarto ontem. O ex-atacante de 68 anos foi internado na Clínica Cardiológica de Laranjeiras, no Rio, e passa bem.

Fonte/texto: Diário do Poder – Cláudio Humberto.

Nós do Canal Flunews e todos os Torcedores Tricolores estamos torcendo para sua rápida recuperação. ST.

O Fluminense do Diniz. Encanta ou desencanta?Análise do Torcedor Phillipe Garcia

“É muito toque de bola pro lado e jogo bonito”.
Essa fala ecoa nas arquibancadas desde a chegada do Diniz e o começo da implementação do modelo de jogo dele.
Não entrarei em méritos do que acredito ser melhor ou não.
O único fato é que de um time desacreditado nos tornamos uma ,das poucas, equipe no Brasil com um sistema sólido.
Contra o Goiás, penâlti perdido, gols perdidos, um massacre; derrota. Contra o Botafogo, uma aula de futebol, uma bola e derrota. Contra o Cruzeiro, um baile de mais de 20 finalizações certas e um ataque do Cruzeiro, um gol; empate e eliminação posteriormente.
Isso sem contar os jogos contra Flamengo, Vasco e o mesmo Botafogo no Carioca.
Hoje, contra o Ceará um primeiro tempo muito bom, três bolas roladas pro meio da área e três chances CLARAS de gol BIZARRAMENTE desperdiçadas. No segundo tempo, mais um gol perdido e muito mal finalizado pelo João e uma cabeçada humorística do 9 de 130 milhões de reais.
O modelo ainda é o problema ? REALMENTE É SÓ TOQUE PRO LADO SEM OBJETIVIDADE ?
O técnico é soberano no dia a dia mas depois de muitos e muitos anos eu não consigo discorrer sobre uma falha tática com tantos problemas técnicos evidentes.
A tática sobrepõe a técnica ? É mais fácil perceber a deficiência e as limitações com um modelo de jogo aprimorado ? Será que acreditar em um modelo de chutão e time reativo é mais interessante mesmo ? Com um Marcelo Oliveira passando um mês sem fazer um gol ?
O resultado é muito necessário, o clube vive disso, a torcida PRECISA disso e o trabalho merece isso.
O desabafo é técnico dessa vez. Taticamente eu ainda tenho muito aplausos do que vaias. MUITO MAIS.

Pra não sair como Dinizista, errou ao começar com João e Pedro, apesar de ter criado bastante no 1 tempo. Errou ao tirar o Yuri e manter o Daniel o que resultou na necessidade de trocar Gilberto por Julião e errou ao tirar o JP pra deixar o Pedro claramente sem ritmo, fora de forma e de sintonia.

Phillipe Garcia.

Hoje pela manhã. Fluminense inaugura sala de imprensa e homenageia Paulo Julio Clement


O Fluminense inaugurou, oficialmente, sua nova sala de imprensa do CT da Barra da Tijuca. O jornalista Paulo Julio Clement, morto no trágico voo da Chapecoense, foi o homenageado. Tricolor e referência do Jornalismo da sua geração, PJ, como era conhecido, dedicou 35 anos da sua vida a crônica esportiva. Na homenagem, a viúva Flavia, o filho Théo e o pai Paulo receberam, das mãos do presidente Mário Bittencourt, camisas tricolores e descerraram a placa que imortaliza Clement. Na homenagem, compareceram parentes, amigos e muitos colegas de profissão.

Seja Sócio e tenha vantagens na compra de ingressos, além de descontos em vários parceiros. Faça o Fluminense mais forte e escolha um plano agora!

– É uma honra poder inaugurar essa sala de imprensa com o nome do Paulo Julio, um grande profissional da história do jornalismo brasileiro. Fiz questão de convidar o presidente Pedro Abad, para participar da cerimônia, que foi quem iniciou todos os trabalhos para fazer essa belíssima sala – falou Mário Bittencourt.

– Eu gostei muito dessa homenagem porque junta duas coisas que meu pai gostava muito, o Fluminense e o jornalismo – disse o menino Theo.

 – Primeiramente agradeço ao Fluminense Football Club, em nome de seu presidente, Mário Bitencourt, pela linda homenagem, que não poderia ser mais perfeita. Une as duas grandes paixões do Paulo Julio: o jornalismo e o Fluminense. E apesar deste amor incondicional pelo clube, PJ sabia ser isento e buscava boas histórias independentemente da paixão tricolor. Uma das matérias que ele adorava contar foi quando vestiu Renato Gaúcho de Rei do Rio para comemorar a vitória do Flu no histórico título do Gol de Barriga, no Carioca de 95. Fez tudo construindo amigos e com uma correção ímpar. Enfim, sorte a minha de ter dividido a vida com esse homem bacana por quase 22 anos. PJ deixa muitas coisas, grandes exemplos, lindas histórias e, para mim, o mais importante: o Theo. Pra ele, faço tudo e tento ser melhor todos os dias. Dizem que depois de uma determinada idade, quem cria as crianças não são os pais mas sim a aldeia. E é com vocês que eu quero criar o Theo – declarou Flavia.

A família Clement acompanhará o time no Maracanã, no jogo desta noite, contra o Ceará, pela 10ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Texto: Comunicação/FFC
Fotos: Lucas Merçon/FFC

Guerreirinhos Tricolores terão dia especial no próximo domingo nas Laranjeiras

Nossos sócios de 5 a 12 anos irão assistir ao treino de domingo em um lugar reservado somente para eles. Após a atividade, um momento inesquecível: um registro histórico ao lado dos nossos guerreiros. Se você tem um pequeno sócio em casa, fique atento às orientações:

➡️ As vagas são limitadas e serão preenchidas por ordem de chegada a partir das 9h;

➡️ As crianças serão identificadas na Portaria Social e encaminhadas à área reservada;

➡️ Não será permitida a entrada com canetas para autógrafos e celulares;

➡️ Pais e/ou responsáveis não poderão acompanhar a criança;

➡️ As fotos estarão disponíveis no http://flickr.com/oficialflu após o treino.

O seu pequeno tricolor pode viver essa e outras experiências inesquecíveis com o Fluminense por apenas R$ 9,90 ao mês. Faça agora a adesão dele ou dela ao plano Mascote ▶️ bit.ly/PlanoMascote

Texto e foto Comunicação Sócio Futebol/FFC.

Molecada de Xerém participa de atividade social em Minas Gerais

Seja Sócio e tenha vantagens na compra de ingressos, além de descontos em vários parceiros. Faça o Fluminense mais forte e escolha um plano agora!

A molecada de Xerém, que vem encantando os torcedores em 2019, marcou mais um golaço nesta semana. Os jogadores do Fluminense participaram de um projeto social, em parceria com a Onda Solidária, e foram até Santana do Deserto, em Minas Gerais. Lá, os meninos conheceram os estudante locais e participaram de atividades na Vila dos Sonhos, uma Eco Vila Olímpica solidária que tem como como objetivo melhorar a educação e o lazer das crianças de toda a região.  

– É uma grande honra receber os jogadores do Fluminense aqui em Santana do Deserto. As crianças daqui estavam muito ansiosas em poder receber os jogadores tricolores. Eles fizeram cartazes, pintaram os rostos. É algo que ficará para sempre na memória da população local – disse Ricardo Calçado, integrante da Onda Solidária.

Para tornar os atletas mais do que jogadores, os Moleques de Xerém, além de todo o trabalho realizado dentro dos campos com treinamentos que respeitam a metodologia e filosofia própria de jogo de Xerém, acompanhado de perto por grandes profissionais, os jogadores da base do Fluminense participam de palestras, cursos e atividades sociais que aumentam o horizonte de conhecimento e desenvolvem o sistema cognitivo dos jovens, para que estes se tornem cidadãos mais completos.

Comunicação FFC
Fotos: Divulgação FFC

Flu é campeão Estadual de Inverno de Natação Pré-Mirim e Mirim

A natação do Fluminense voltou a mostrar sua força neste fim de semana. Sob o comando de Ana Lucia e José Custódio, o Tricolor conquistou o título do Campeonato estadual de Inverno nas categorias Pré-Mirim e Mirim 0, e ainda levou o vice-campeonato no Mirim 1 e 2. As provas foram realizadas na sexta-feira (05) e no sábado (06) passado, na piscina de 25 metros do Marina Barra Clube, na Barra da Tijuca.

Texto Comunicação /FFC.

Seja Sócio e tenha vantagens na compra de ingressos, além de descontos em vários parceiros. Faça o Fluminense mais forte e escolha um plano agora!

Top