fbpx

Bicicleta de João Pedro ganha prêmio de gol mais bonito da Copa do Brasil

O atacante do Fluminense, João Pedro ganhou o prêmio de gol mais bonito da Copa do Brasil, com o gol de bicicleta marcado no empate em 2 a 2 contra o Cruzeiro no Mineirão.

Além da dificuldade, o gol foi importante na ocasião, pois foi boa instantes finais e acabou levando a decisão para a disposta por pênaltis. Contudo, o Flu acabou sendo eliminado por 3 a 1 na disputa da marca penal.

Homenageado pela competição, com um quadro comemorativo, João Pedro de parou ser o gol mais importante da curta carreira e lembrou de agradecer ao companheiro Daniel, autor da assistência na jogada.

João Pedro fez questão de agradecer o passe de Daniel. (Foto: Divulgação/FFC)

Daniel mostrou ser mesmo um verdadeiro garçom, tanto que terminou a temporada como maior assistente da equipe, com mais de 10 passes terminados em gol.

Ex técnico do Flu, Marcelo Oliveira entra na justiça por acordo de rescisão não pago

Ex técnico do Fluminense, Marcelo Oliveira, demitido na penúltima rodada do Campeonato Brasileiro de 2018 cobra na justiça cerca de R$1,1 milhão por acordo de rescisão não pago.

O treinador que recebia cerca de R$220 mil mensais entre CLT e imagens, firmou um acordo ainda na gestão Pedro Abad, para receber a rescisão contratual mais os atrasados em parcelas até junho de 2019.

O clube teria cumprido com as primeiras parcelas e seguido com inadimplência nas seguintes. Em 26 de novembro deste ano, já no mandato de Mário Bittencourt, o processo do treinador foi distribuído para a 82ª Vara do Trabalho do Rio cobrando o valor referido de R$1,1 milhão.

A ação no entanto está em fase inicial e uma audiência de conciliação já foi agendada para o dia 21 de janeiro de 2020.

Fonte: Globoesporte.com

Foto em destaque: Alexandre Durão

Há exatos dez anos o Fluminense empatava com o Coritiba e dava um bico nos números

Há exatos dez anos, em 6 de dezembro de 2009, o Fluminense empatava em 1 a 1 com o Coritiba e escapava de um rebaixamento certo.

O time que chegou a ter na ocasião 99% de chances de rebaixamento, conseguiu escapar da degola de forma incrível e surpreende, com 11 jogos de invencibilidade na reta final (7 vitórias e 4 empates).

Entre os jogos memoráveis daquela campanha ficou marcada a heróica virada sobre o Cruzeiro no Mineirão, quando saiu de um 2 a 0 para um 3 a 2. A também vitória sobre o Palmeiras de 1 a 0, diante de um Maracanã lotado em cima do até então líder do Campeonato, e claro, o empate diante do Coritiba, no Couto Pereira, por 1 a 1.

Diante de tal feito, surgiu aí o Time de Guerreiros, que veio a ser campeão Brasileiro no ano seguinte.

Além de escapar de um rebaixamento quase certo, aquela equipe ainda chegou à final da Copa Sul-Americana, perdendo o título para a LDU, do Equador – 5 a 1 em Quito e 3 a 0 no Rio.

Marcão explica demora na última troca: “Tínhamos dois jogadores com risco de lesão”

Jogando para um público de quase 40mil torcedores, o Fluminense ficou apenas no empate em 0 a 0 com o Fortaleza na noite da última quarta-feira (4) no Maracanã.

Questionado sobre ter segurado a última troca até os minutos finais, quando lançou Evanilson no lugar de Marcos Paulo aos 41 minutos do segundo tempo, o técnico alegou ter dois jogadores em campo sentindo o desgaste físico:

A gente teve que dar uma segurada ali na última troca pois tínhamos dois jogadores com risco de lesão. O Gilberto e o Digão acusaram um desgaste e preferimos dar uma segurada nessa última mexida pra não correr o risco de trocar e um dos dois sentir depois – explicou Marcão.

O técnico ainda foi perguntado sobre a presença da dupla no último jogo do Fluzão no ano, próximo domingo (8), contra o Corinthians:

– Vamos dar uma avaliada amanhã e ver como vão estar. Mas caso não dê pra contar com eles temos um bom grupo e jogadores que podem entrar bem – concluiu o treinador.

Vale destacar que o jogo entre Fluminense x Corinthians e crucial para o Tricolor decidir sua vaga à Copa Sul-Americana 2020, garantindo vaga na competição com uma vitória.

Foto em destaque: Douglas Wandekochen/Canal Flunews

Jóia Tricolor, Marcos Paulo é monitorado por Red Bull e clubes de fora

Principal ativo do Fluminense após as vendas de Pedro e João Pedro, Marcos Paulo já é o sonho de consumo do Red Bull, grupo no comando do Bragantino, recém promovido a Série A do Brasileirão.

Segundo informou o site Netflu, o jogador seria um grande desejo da equipe que possuirá um aporte de aproximadamente R$200 milhões para negociações o ano que vem.

Além do Red Bull, o Newcastle, da Inglaterra, seria outro clube interessado no atacante Tricolor.

Porém, ainda de acordo com o Netflu, o presidente do Fluminense, Mário Bittencourt teria se recusado em ouvir qualquer proposta pelo atleta até pelo menos o final do Campeonato Brasileiro, que terá a rodada final no próximo domingo (8).

Fluminense divulga segunda parcial de ingressos vendidos para partida contra Fortaleza

O jogo entre Fluminense x Fortaleza, nesta quarta-feira (4), válido pela 37° rodada do Campeonato Brasileiro marca o último jogo do Fluminense no Maracanã em 2019.

Sem chances de rebaixamento, mas com grandes possibilidades de conseguir uma vaga na Copa Sul-Americana do próximo ano, os jogadores devem contar com o grande apoio do torcedor, que deve comparecer em bom número na despedida da equipe.

Segundo divulgado pelo próprio clube, cerca de 18mil ingressos já foram vendidos para o jogo desta quarta-feira (4) às 21h e 30.

Expectativa ainda é que o número possa ser superior ao do último jogo em casa, quando o Fluzão teve o apoio de mais de 30 mil torcedores na vitória de 1 a 0 sobre o Palmeiras.

Foto em destaque: Divulgação/FFC

Protesto ? Elenco cobra por salários atrasados e não concentram pra o jogo contra o Fortaleza

Após empatar em 1 a 1 com o Avaí pela 36° rodada do Campeonato Brasileiro, o Fluminense se reapresentou na tarde desta terça-feira (3) no CT Carlos Castilho, na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio de Janeiro.

A atividade que estava programada para começar às 15h e 30, teve um atraso de mais de meia hora por conta de uma reunião entre os jogadores, a comissão técnica e o gerente executivo, Paulo Angioni.

Na conversa que ocorreu de forma bem pacífica, o grupo de jogadores cobraram pelos dois meses de salários atrasados e que já estaria perto de completar o terceiro. O elenco ainda pediu para não concentrar para a partida contra o Fortaleza, nesta quarta-feira (4), onde dormiriam em um hotel na noite desta terça-feira (3). O motivo alegado será o desgaste ao longo da temporada.

Vale destacar que a diretoria acertou parte dos atrasados dos funcionários e segundo informações apurada pela Flunews a promessa da diretoria era de acertar os salários integrais dos jogadores até a última segunda-feira (2), tendo acertado parte disso.

Caio Henrique despista sobre futuro: “Deixo na mão do meu staff”

Em coletiva realizada na tarde desta terça-feira (3) no CT Carlos Castilho, o lateral Caio Henrique respondeu sobre uma possível permanência no Fluminense para o ano que vem.

O jogador que está emprestado ao Flu pelo Atlético de Madrid, da Espanha, desligou sobre o futuro e disse deixar essa questão na mão do seu staff:

Pretendo focar ainda nesse dois últimos jogos pra fechar bem o ano e depois pensar no futuro. Ainda tenho contrato com o Atlético de Madrid e deixo isso na mão do meu staff – disser o jogador durante a coletiva.

Fluminense divulga primeira parcial para último jogo da equipe em casa no ano

O Fluminense enfrenta o Fortaleza nesta quarta-feira (4) pela 37° rodada do Campeonato Brasileiro, nessa que será a última partida do Tricolor no Maracanã neste ano de 2019.

Segundo o informado pelo clube por suas redes sociais, cerca de 10 mil ingressos já foram adquiridos pelos torcedores para se despedirem de equipe na temporada.

O jogo pode garantir a permanência do Fluzão na elite do futebol brasileiro em 2020, basta uma vitória. Caso o Cruzeiro perca para o Vasco nesta segunda-feira (2) o Flu já entra em campo sem chances de rebaixamento. Mas ainda briga por uma vaga na Sul-Americana do próximo ano, para isso precisa subir mais uma colocação, uma vez que ocupa o 15° lugar atualmente e a zona de classificação da Sula vai até o 14° lugar.

Foto em destaque: Divulgação/FFC

Olho no apito: CBF define arbitro da partida entre Fluminense x Fortaleza

O Fluminense volta a campo na próxima quarta-feira (4), às 21h e 30, no estádio do Maracanã, para enfrentar o Fortaleza pela penúltima rodada do Campeonato Brasileiro.

Caso o Cruzeiro some pontos contra o Vasco na partida desta segunda-feira (2), o Tricolor entrará em campo ainda lutando para fugir do rebaixamento.

Certo é que o jogo pode deixar a equipe comandada por Marcão na zona de Classificação para a Sul-Americana, desde que vença a partida e o Botafogo não vença seu jogo contra o Atlético Mineiro, em Minas. Atlético esse que também briga por uma vaga na Sula.

Para comandar a partida que define o futuro Tricolor em 2020 a CBF definiu o paulista Raphael Claus para comandar o apito.

Vale destacar que a arbitragem vem sendo motivo de grande questionamento por parte do torcedor tricolor que se vê prejudicado ao longo do Campeonato.

Foto em destaque: Divulgação

Top