fbpx

Emprestado neste ano, Mascarenhas descarta mágoa com o Flu, mas afirma: ‘Queria um pouco de confiança’

O lateral-esquerdo revelado nas categorias de base do clube, foi emprestado ao Vitória de Guimarães no início desta temporada. Aos seus 21 anos Mascarenhas está no seu quarto clube na carreira e tenta apagar o ano ruim de 2019, quando conviveu com muitas lesões, que o tirou de praticamente toda temporada.

Porém, a chance de da uma volta por cima em 2020 terá de esperar, isso por que, além do futebol mundial está paralisado por causa da pandemia de coronavírus, Mascarenhas, segundo o jornal português “A Bola”, lesionou o joelho esquerdo em uma atividade no treino, e teve que passar por uma cirurgia e ficará fora dos gramados por mais um tempo.

O lateral tinha expectativa de voltar aos gramados em 2020, principalmente por já ter trabalho com o Odair Helmann, na conquista do Sul-americano sub-17, com a seleção Brasileira, tendo inclusive participado de toda a pré-temporada com o elenco Tricolor. Porém, a falta de oportunidades o motivou a aceitar mais um empréstimo, o terceiro desde que foi promovido aos profissionais. Sobre a chance de haver qualquer tipo de mágoa com o Flu ou Odair, Mascarenhas tratou de desmentir.

– Não, mágoa nenhuma. Na verdade fui campeão Sul-Americano com o Odair na seleção sub-17. Então quando ele chegou no Fluminense, eu achei que teria oportunidades, mas acabou não acontecendo. Não guardo mágoa até porque lá tem excelentes profissionais que estavam trabalhando e eu vinha de lesão. Entendo um pouco o lado do clube também, mas queria um pouco de confiança, porém faz parte. – Revelou o lateral, em entrevista ao Lance!

Fonte: Lance!
Foto: Lucas Merçon/Fluminense

Fred faz campanha em enquete e promete: “se votar no meu gol eu volto pro Fluzão”

O retorno de Fred ao Fluminense parece estar mesmo cada vez mais próximo. Após o jogador aparecer em uma live do jornalista Rica Perrone falando que seu retorno dependeria apenas do presidente Mário Bittencourt, Fred voltou a movimentar a rede.

O jogador fez uma live no seu próprio Instagram e prometeu que caso o torcedor votasse no seu gol em uma enquete do site Globoesporte.com, ele voltaria ao Fluminense.

Técnicos Tricolores aguardam novas datas dos pré-olímpicos

Planejamento dos treinos dos atletas tricolores que lutam por vaga nos Jogos Tóquio 2020 depende da definição da FINA

Com o anúncio da nova data de realização dos Jogos Tóquio 2020 – de 23 de julho a 8 de agosto de 2021 -, os técnicos do Fluminense aguardam a definição dos pré-olímpicos para dar sequência à preparação dos atletas que ainda disputam vaga na competição. Diante da pandemia de coronavírus que interrompeu os treinamentos, André Raposo, do polo aquático, Andreia Boehme, dos saltos ornamentais, e Twila Cremona, do nado artístico, planejam, dentro do possível, o retorno às atividades.

Inicialmente, o Pré-olímpico de polo seria realizado no fim de março, em Roterdã, Holanda, e os de nado e saltos no fim de abril (posteriormente remarcados para junho), em Tóquio, Japão. Após a definição dos Jogos, porém, a Federação Internacional de Natação (FINA), responsável por administrar competições de desportos aquáticos, divulgou comunicado no qual dizia que iria rever as datas, que seguem indefinidas.

Técnico do polo aquático do Fluminense e vídeo analista da seleção brasileira, André Raposo, o Quito, acredita que o tricolor Logan Oliveira e os demais atletas da equipe precisaram de, ao menos, três meses para voltar à forma física e tática perto do ideal. Isso, caso a quarentena dure um mês.

“Logan, juntamente com a seleção brasileira, vinha de três meses de treinamentos intensos. Em Bauru, em janeiro, no Maria Lenk, em fevereiro, e ainda fizeram um tour pela Europa. E a perda do condicionamento físico se dá de uma maneira muito mais acelerada que o seu ganho. Além disso, os esportes aquáticos diferem dos esportes terrestres. Por mais que o atleta se mantenha ativo com exercícios fora d’água a questão da especificidade conta muito, e a preparação tanto física e técnica é toda perdida por conta da paralisação. Quando voltar a vida normal, o treinamento se inicia praticamente da estaca zero”, explicou Quito.

Twila Cremona, técnica do dueto brasileiro formado por Luisa Borges, do Fluminense, e Laura Miccuci, do Flamengo, também está preocupada com as novas datas do Pré-olímpico.

“Ninguém conseguiu voltar aos treinamentos ainda. As meninas estão treinando em casa com exercícios passados pelos preparadores do Time Brasil. Também passei para elas um exercício de alongamento e flexibilidade, chamado Zala, e nos reunimos on-line três vezes por semana para fazer a marcação da coreografia. Os exercícios que faríamos dentro da piscina, estamos fazendo fora. É dessa maneira que estamos nos virando para tentar manter a concentração, a preparação, a cabeça e o corpo ativos. Espero que o Pré-olímpico aconteça mais para frente. Ele é muito importante para nós”, explicou a técnica tricolor do nado artístico.

Andreia Boehme também vive a expectativa de saber quando o torneio classificatório dos saltos ornamentais acontecerá. Para a técnica do Fluminense e da seleção brasileira, no entanto, existe um lado bom nesse afastamento de Ingrid Oliveira dos treinos na piscina. A atleta pode aproveitar esse tempo para se recuperar totalmente de uma lesão no punho esquerdo que a atrapalhou durante toda a temporada passada.

“Ela está perdendo tempo de treinamento, mas está ganhando tempo para a recuperação. Está fazendo exercícios de alongamento e fortalecimento sob orientação do COB e, quando voltar para a piscina, poderá fazer saltos que antes da quarentena não conseguíamos fazer. Agora dependemos de uma definição da FINA. É essencial saber essa data, para aí sim montar o treinamento. Porque, além do Pré-olímpico, precisamos saber as datas dos eventos que serão realizados antes e que ajudariam na disputa pela vaga nos Jogos de Tóquio”, finalizou Andreia.

CONFRARIA TRICOLOR estreia nesta quinta

Representantes dos três maiores sites de Flu se reunem para uma Live no youtube

Após participação no NetFlu na rede, representantes dos três maiores sites independentes de Fluminense se uniram definitivamente para a CONFRARIA TRICOLOR, programa que estreia nesta quinta-feira, ao vivo, às 19h30, no canal do NETFLU no youtube.

Vinicius Toledo, do Explosão Tricolor, Leandro Dias, do NETFLU, e Douglas Wandekochen, do Flunews, debatem o Fluminense, num bate-papo com duração de um tempo de futebol: 45 minutos.

Em entrevista, Gum explica o motivo de não ter renovado com o Flu

Com uma passagem longeva e vitoriosa (de 2009 á 2018) pelas laranjeiras, o zagueiro Gum, atualmente no CRB, de alagoas, em entrevista ao Portal NetFlu, explicou o motivo de não ter renovado seu vínculo com o Flu em 2019.

Eu não esperava sair. O clube, naquele momento, fez uma proposta de um ano de contrato, eu pedi dois anos. O Abad falou que só tinha um ano para me oferecer, imaginei que fosse renovar, mas não entramos num acordo, não teve uma última proposta. O tempo passou e não tinha como permanecer porque contrataram outro zagueiro. Eu entendi que Deus estava me tirando do Fluminense, porque eu queria continuar, mas não teve a renovação. Foi dessa maneira, apesar de não esperar. Aconteceu – recordou o zagueiro

Com quase uma década de Fluminense (9 temporadas), Gum atuou em 414 partidas, tendo marcado 29 gols. Além de ter colecionado títulos: Dois campeonatos Brasileiros (2010 e 2012), um campeonato Carioca (2012), uma Copa da Primeira Liga (2016), duas taça Guanabara (2012 e 2017) e uma taça Rio (2018).

Fonte: NetFlu
Foto: Clever Felix/Parceiro/Agência O Dia

União! Quatro grandes do Rio se unem contra o coronavírus

Fluminense, Flamengo, Vasco e Botafogo lançaram nesta segunda-feira (30) a campanha “Contra a COVID-19 é torcida única”. O objetivo da ação é reunir doações para a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) e investidos no combate e tratamento do novo coronavírus.

O torcedor que quiser ajudar deverá acessar o site futebolxcovid19.com.br, selecionar o clube do coração, cadastrar-se e escolher o valor que deseja doar. No portal da campanha, será possível acompanhar a evolução das doações, convidar amigos para participar deste movimento e, no fim das ações de combate, verificar como os recursos foram utilizados. Para mais transparência, haverá uma auditoria externa independente.

Representante Tricolor na campanha, o presidente Mário Bittencourt comentou sobre a ação conjunta dos clubes no combate ao vírus.

– Vivemos um cenário social bastante grave e todo apoio é mais do que bem-vindo. A sociedade precisa dessa ajuda e o Fluminense, em conjunto com os coirmãos, finca a sua bandeira e convoca os tricolores para multiplicar essa ideia. Juntos podemos fazer a diferença – pontuou o dirigente tricolor. Declarou o mandatário.

Fonte: Lance!
Foto: Divulgação

Incentivo! Flu dobra benefícios de sócios que permanecerem adimplentes

Diretoria Tricolor anunciou na manhã desta quarta-feira que para minimizar o prejuízo em relação ao sócio-torcedor, irá dobrar os benefícios daqueles que se mantiverem adimplentes durante a pandemia de coronavírus.

Sócios com 50% de desconto (planos “Sócio Futebol”, “Eterno Amor” e “Pacote Jogos”) ganharão ingresso de graça em partida com mando de campo. E os com 100% de desconto (planos “Tricolor de Coração”, “Pacote Futebol” e “Check-Ins 2020) terão direito a um bilhete adicional, também em jogo do Tricolor mandante. A duração do benefício ainda será definida e dependerá do tempo de paralisação.

E não para por aí, o clube anunciou também que a pontuação dos sócios-torcedores durante a quarentena terá valor dobrado no programa de pontos do Sócio Futebol, que será lançado no segundo semestre de 2020. Além disso, quando as competições retornarem uma placa móvel com os nomes dos sócios-torcedores será exibida atrás do gol em frente ao Setor Sul do Maracanã.

Através de uma nota o Fluminense anunciou as novas medidas e pediu o apoio da torcida Tricolor para que o clube possa pagar o salário de funcionários e jogadores. Confira o comunicado oficial AQUI

Fonte: globoesporte.com
Foto: Divulgação FFC

Em entrevista, preparador físico do Fluminense, comenta quanto tempo levará para os jogadores voltarem a sua plena forma


FOTO: LUCAS MERÇON / FLUMINENSE F.C.

Em entrevista ao canal SporTV, o preparador físico do Fluminense, Marcos Seixas, respondeu a uma dúvida que muitas pessoas tem se feito nos últimos dias. Quanto tempo será necessário para que os jogadores se preparem e retornem ao campo em alto nível.

– Será uma recuperação diferente. A pré-temporada de 2020 já foi mais curta. Apresentamos dia 8 e dia 18 já tínhamos jogo do Carioca. Foram dez dias entre apresentação e início dos jogos oficiais. No melhor dos cenários, voltando dia 20 de abril, teremos uns 35 dias de paralisação. Necessitaria de umas duas semanas, sendo bem conservador, para ter o reinício das partidas. Fico mais otimista porque quando tem as férias do fim de ano, por mais que você oriente, eles viajam, tem festas de família, e deixam de fazer. Nesse período, estão de férias, mas em casa. Acho que virão melhores condicionados do que se fosse numas férias normais. Mesmo que se estenda por 40, 50 dias, espero que em 20 de abril todo mundo possa voltar, acho que voltarão melhor do que quando se apresentam das férias de fim de ano. O lado negativo é que no início do ano temos as partidas de Estadual, todos têm uma paciência um pouco maior, todos no mesmo nível. Agora vamos afunilar em partidas decisivas. Não tem jeito. Os problemas estão aí e temos de enfrentá-los.

Ex-Fluminense Rafael Sóbis fala sobre seu carinho ao Tricolor Carioca

Em entrevista a Aline Nastari, do Esporte Interativo, Rafael Sóbis falou sobre sua carreira e pela passagem vitoriosa que teve no Fluminense entre 2011 e 2014.

Com a camisa Tricolor o jogador fez 175 jogos e 41 gols, obtendo um Campeonato Brasileiro e Carioca de 2012.

Sóbis foi perguntando sobre sua relação com o Flu e com e torcida “o Fluminense é diferente, a torcida não sei” “o Inter é o clube do coração o Fluminense é a minha paixão” completou o atleta.

Confira a Live: (a partir do minuto 24:25 ele fala sobre o Fluminense)

FORA DE JOGO – Rafael Sóbis

AO VIVO E EXCLUSIVO! O atacante Rafael Sóbis bate um papo com a nossa repórter Aline Nastari, e você acompanha TUDO! Vem com a gente!

Posted by Esporte Interativo on Tuesday, March 31, 2020

Desafiado no Instagram, Luan Freitas posta foto com sua referência no futebol

Desde que começou o período de isolamento social por conta da pandemia do Coronavírus, os desafios nas redes sociais ganharam força e se tornaram um grande passa tempo, tanto para a população em geral, como para os atletas.

Zagueiro Tricolor, Luan Freitas participou de um desses desafios e, onde deveria postar uma foto de um jogador que fosse sua referência no futebol. E o jovem zagueiro escolheu ninguém mais, ninguém menos que Thiago Silva, ídolo Tricolor e atualmente no PSG, da França.

A foto foi tirada quando o Monstro, como Thiago Silva é conhecido carinhosamente, participou de um período de treinos no CT Carlos Castilho, enquanto se recuperava de uma lesão.

Top