fbpx

Decisivo em estreia como titular, Evanilson fala sobre renovação com o Fluminense: “Quero muito ficar”

Foto: Renato Pizzutto/BP Filmes

Uma estreia dos sonhos, essa é a melhor definição para a atuação de Evanilson diante do Corinthians. Decisivo, o atacante fez os dois gols da vitória que garantiu o Fluminense na Copa Sul-Americana 2020. A dúvida agora é se o jogador fará parte di elenco tricolor na próxima temporada.

A renovação de Evanilson segue emperrada e a permanência do atacante ainda é uma incógnita. Artilheiro do sub-20, o jovem está valorizado no mercado e isso faz com que o empresário do atleta busque condições financeiras mais interessantes. O Fluminense terá que se movimentar rápido se não quiser perder a revelação de graça. O contrato do jovem atacante vai até fevereiro de 2020, sendo assim um pré-contrato já pode ser assinado com qualquer equipe.

Em entrevista após a partida, Evanilson falou sobre a atuação e a negociação com o Fluminense.

Evanilson sobre atuação: Fico muito feliz pela oportunidade. Sempre tive um sonho. Cheguei ao Fluminense com 13 anos, nunca imaginei que minha estreia como titular fosse ser desse jeito. Fico muito feliz pela boa partida e pela entrega de todos.

Evanilson sobre renovação: Vamos ver. Acabou agora o campeonato. Vou ver com meu empresário. Vamos sentar com a diretoria do Fluminense e resolver a melhor situação para mim. Viemos negociando faz tempo. Estamos vendo o que é melhor. Esses gols ajudam bastante. Estou esperando para ver o que vai acontecer.

O atacante aproveitou para dizer seu desejo para próxima temporada:

-Eu quero muito ficar. É um clube que abriu as portas para mim. Fico muito feliz e quero muito ficar.

Deixou saudades? Cria de Xerém, Marcos Jr. é campeão e artilheiro em primeira temporada no Japão

Foto: Divulgação

Enquanto o Fluminense sofre para fazer gols após a saída dos atacantes Pedro, Luciano e Everaldo, outro ex-Flu se destaca no outro lado do mundo. Marcos Junior caiu nas graças da torcida do Yokohama F-Marinos e ajudou a acabar com o jejum de 15 anos sem título na J-League.

Carismático, o atacante chamou atenção com sua comemoração estilo Dragon Ball Z. O gesto se repetiu com frequência nos 15 gols que renderam ao brasileiro a artilharia do campeonato. Marcos Júnior se destacou jogando mais recuado que nos tempos de Fluminense, como uma espécie de armador da equipe. Nessa função, o jogador contribuiu com quatro assistências.

Marcos Júnior: Não pensava em artilharia, mas fico muito feliz por ter conseguido isso também. Estou jogando de uma forma diferente de quando jogava no Brasil. Aqui eu venho mais de trás e armo as jogadas de ataque. Me senti muito bem nessa nova função.

Foto: Divulgação

O atleta comentou ainda sobre o sentimento de ter conquistado um título logo na primeira temporada.

– Sinceramente, não tenho palavras para descrever esse momento. Nem nos meus melhores sonhos, eu esperava vivenciar uma alegria como essa de uma forma tão rápida. Cheguei esse ano no Japão, me adaptei muito rapidamente e fui completamente abraçado por torcedores, dirigentes, grupo de jogadores e comissão técnica. Gostaria de dedicar essa conquista aos meus familiares e torcedores.

Para fins de comparação, o artilheiro tricolor no Campeonato Brasileiro foi Yoni González com apenas seis gols.

Tem estrela? Fluminense ainda não perdeu com Marcos Felipe de titular no Campeonato Brasileiro

Divulgação Twitter

Quando o titular Muriel se machucou, muitos torcedores ficaram pessimistas e outros já davam o rebaixamento como certo. A escolha de Marcos Felipe se mostra acertada quatro rodadas após a estreia do goleiro na temporada. Foram duas vitórias e dois empates, com apenas dois gols sofridos. Mais do que isso, o arqueiro foi ovacionado pela torcida na vitória diante do Palmeiras.

O goleiro chegou a pegar um pênalti no jogo contra o Avaí, mas o árbitro de vídeo acusou que Marcos Felipe se adiantou e a cobrança foi repetida. O resultado já sabemos. Os números comprovam o bom rendimento do Fluminense com o jovem goleiro em campo: oito pontos nas últimas quatro rodadas, o que representa quase 70% de aproveitamento.

Garantido como titular para o jogo decisivo contra o Fortaleza, Marcos Felipe tem a missão de fechar novamente a meta tricolor e ajudar o time em busca da classificação para Sul-Americana.

Grupo unido: Atletas suspensos e lesionados viajam junto ao elenco para apoiar o Fluminense

Foto: Thayuan Leiras/Globoesporte.com

A torcida do Fluminense não pode falar que falta vontade de vencer nesses jogadores. Com salários e direitos de imagens atrasados, atletas como o lesionado Ganso viajaram para apoiar o time contra o Avaí. Uma vitória livra matematicamente o Fluminense do rebaixamento caso o Cruzeiro não vença o Vasco fora de casa.

O apoio dos lesionados Matheus Ferraz, Muriel e agora de Paulo Henrique Ganso mostra a força e a união desse grupo. O meia Daniel e o zagueiro e capitão Digão, suspensos, também fizeram questão de viajar. Atitudes como essas mostram um respeito a história do clube.

A expectativa é que a equipe consiga uma grande vitória e possa respirar tranquila na competição. As chances de conseguir uma vaga na Sul-Americana são reais e estão mais próximas do que uma improvável queda.

João Pedro volta a ser relacionado e viaja com o grupo nos últimos dias como jogador do Fluminense

Foto: Douglas Magno

O jovem atacante João Pedro voltou a ser relacionado pelo técnico Marcão e viajou com o grupo para o duelo contra o Avaí. O jogador estava sobrando da lista seja por opção técnica ou por problemas de saúde (apresentou quadro de virose antes do último jogo), mas com alguns desfalques o atleta foi convocado e pode entrar em campo nesses últimos dias como atleta do Fluminense.

Barrado após a derrota em casa para o Athletico Paranaense, pela 26° rodada, o atacante passou a ser muito cobrado pela torcida e vaiado a cada decisão errada durante a partida. Vale destacar que João Pedro já está vendido e sairá do Fluminense após o término do Campeonato Brasileiro. O destino do atacante é o Watford, lanterna da Premier League na atual temporada com apenas uma vitória em 14 rodadas.

João Pedro deve iniciar a partida no banco de reservas. A dupla de ataque titular continua sendo Yoni González e Marcos Paulo, decisivos nas duas últimas vitórias do tricolor. O Fluminense enfrenta o rebaixado Avaí amanhã , às 16h, na Ressacada.

Fluminense vence o Palmeiras no Maracanã, e abre quatro pontos da zona de rebaixamento

Foto: André Durão

O Fluminense conseguiu uma vitória importantíssima na luta contra o rebaixamento. O adversário era o Palmeiras, atual terceiro colocado do campeonato brasileiro, mas o tricolor entendeu que os três pontos eram essenciais. Com raça e boa atuação, o Fluminense saiu vencedor por 1×0, gol de Marcos Paulo.

O jogo começou disputado, sem grandes chances para os dois lados. Aos poucos o time da casa começou a comandar as ações e encurralar o Palmeiras. A pressão deu resultado e Marcos Paulo abriu o placar aos 37, após falha da defesa alviverde. O atacante mostrou frieza e marcou lindo gol tirando do goleiro Weverton. O time teve chances de ampliar, mas foi para o intervalo com um bom resultado.

A segunda etapa foi complicada e angustiante para a torcida tricolor. Com Dudu em campo, o Palmeiras cresceu no jogo e foi para cima do time da casa. Bem postado na defesa, mas sem poderio ofensivo, o Fluminense lutou até o final para manter o resultado. Deu tudo certo. Vitória maiúscula do time de guerreiros, distância de quatro pontos para zona de rebaixamento e apenas um ponto para a Sul-Americana.

Embalo após vencer CSA e Palmeiras, o tricolor agora enfrenta o rebaixado Avaí no próximo domingo, às 16h, na Ressacada. Em caso de vitória, o time carioca pode figurar entre os classificados para a Sul-Americana do ano que vem.

Black Friday: Fluminense indica possível desconto nos planos de Sócio Torcedor

Foto: Twitter Fluminense

A torcida tricolor deve receber uma ótima notícia ainda nessa semana de “Black Friday”. As redes sociais do Fluminense indicam desconto nos planos de Sócio-torcedor. A ansiedade toma conta dos tricolores enquanto os valores ainda não são divulgados.

A tendência é que a confirmação dos preços com desconto sejam divulgados até amanhã. Vale destacar que outros clubes do país aproveitaram a semana para alavancar o número de sócios com preços pra lá de acessíveis. O Fluminense tem planos a partir de R$ 9,90.

A situação financeira do clube é terrível e as penhoras são recorrentes. O último levantamento sobre o número de sócios indicou apenas 14 mil adimplentes. Há algumas semanas, a torcida tricolor se mobilizou com o projeto de 100 mil sócios, mas a euforia diminuiu após um empate em casa com a hoje rebaixada Chapecoense.

Veja a postagem do Fluminense no Twitter:

Foto: Twitter Fluminense

Melhor apenas que Chape e Avaí em casa, Fluminense precisa mudar retrospecto para espantar queda

Foto: Globoesporte.com

O Fluminense diminuiu para 14% o risco de rebaixamento após a vitória fora de casa contra o CSA. A questão agora é mudar o péssimo desempenho como mandante. O time soma cinco vitórias, seis empates e seis derrotas.

O desempenho tricolor como mandante é de time rebaixado. Pontuar mais apenas que Chapecoense e Avaí é algo inaceitável e um convite ao insucesso. Sorte do Flu que os concorrentes possuem rendimento terrível fora de casa.

Como visitante, o time das Laranjeiras faz campanha razoável. Com cinco vitórias, dois empates e dez derrotas, o Flu possui a 8° melhor campanha. Números que mostram a deficiência das equipes em pontuar fora de casa. Um time com 10 derrotas está entre os oito melhores.

O duelo de quinta-feira é em casa contra o Palmeiras. O time paulista não tem mais chances de título, está garantido na fase de grupos da libertadores 2020 e joga para terminar a competição em segundo. O Fluminense precisa da vitória para aumentar a distância para o Z4 e poder vislumbrar uma vaga na Sul-Americana do ano que vem.

CSA x Fluminense: confira a provável escalação do time alagoano

Foto: João Alvim/globoesporte.com

A partida de amanhã ganhou contornos ainda mais dramáticos para CSA e Fluminense. O tricolor sai da zona de rebaixamento com um empate, mas foca na vitória para subir duas posições na tabela; já o CSA precisa vencer para manter vivo o sonho de permanecer na elite do futebol brasileiro.

O time alagoano acumula quatro derrotas consecutivos e viu a diferença subir para sete pontos em relação ao Cruzeiro, primeira equipe fora da zona da degola. Para o jogo decisivo, o técnico deve mandar a campo a seguinte formação: João Carlos; Dawhan, Alan Costa, Cástan e Euller; João Vitor, Jean Cléber e Jonatan Gómez; Apodi, Safira (Rafinha) e Ricardo Bueno.

O duelo decisivo acontece nesta segunda-feira, às 20h, no estádio Rei Pelé. No primeiro turno, o CSA surpreendeu o tricolor carioca no Maracanã por 1×0 e causou a demissão de Fernando Diniz.

Santos goleia o Cruzeiro, e Fluminense só dependi de si para sair da zona de rebaixamento

Foto: Globoesporte.com

Os resultados seguem ajudando o Fluminense, mas falta o tricolor fazer a sua parte. Primeira equipe fora da zona de rebaixamento, o Cruzeiro foi goleado pelo agora vice-líder Santos por 4×1 e segue firme na disputa para jogar a série B em 2020.

O time mineiro abriu o placar logo no início com Orejuela e parecia disposto a se afastar dos quatro últimos. Só faltou combinar com o time da Vila Belmiro. O Santos empatou o duelo ainda na primeira etapa, teve gol anulado pelo VAR e voltou com tudo do intervalo. Sufocando o time mineiro, o Santos aproveitou a boa fase do seu setor ofensivo, virou o jogo e goleou o Cruzeiro. O clima em Minas é tenso e essa derrota pode trazer ainda mais problemas na relação com a torcida.

Com esse resultado, o Fluminense novamente só dependi de si para sair da zona de rebaixamento. Desta vez, um empate basta. O tricolor fecha a rodada contra o CSA, segunda-feira, às 20h. O time alagoano joga a vida na competição, e uma vitória pode afundar ainda mais o time de Argel. Cabe ao Fluminense aproveitar a oportunidade e diminuir as chances de ser rebaixado, podendo pular até três posições.

Top