fbpx

“Vaza Mário” – Opinião Thiago Caruso

Mario Bittencourt saia do comando do futebol do Fluminense.

Descentralização da gestão já. E aproveite peça ao Paulo Angioni para descansar, a imagem de vocês dois perante ao torcedor não estão ruins, estão PÉSSIMAS. Você dando entrevista ultimamente tem sido uma lástima. A desculpa para vender Evanilson foi tacanha, ruim, era mais fácil pedir desculpas ao torcedor e prometer que este tipo de situação não aconteceria mais. Ontem, em plena rede Globo, fomos lembrados de ser VITRINE DO TOMBENSE. Como se atrai patrocínio com uma característica dessa?

Fique onde o senhor sempre foi brilhante na área administrativa e jurídica, onde esse ano já fizeram grandes feitos, mas no futebol, o senhor onde toca não nasce grama. Cadê a gestão do futebol para cobrar o preparador de goleiros por seguidas falhas de Muriel ? Cadê a gestão do futebol para cobrar do treinador atuações muito ruins do clube ? Cadê a presidência para cobrar do diretor executivo que está no clube desde o meio de 2018 pela perda de um ativo como Evanilson? O senhor também quando fala ultimamente não tem sido feliz….(torcedor modinha, nunca deu dois treinos e por aí vai) .

Anteontem, o seu vice administrativo apareceu no Globo esporte para dizer que não assina cheque para pagar conta, que absurdo é esse ? Quer dizer que você vem a público falar que o patrocinador master do Flu é o seu torcedor e o na hora H o seu torcedor não assina cheque? Ajudamos e muito também a assinar o cheque. Quem destruiu a campanha #ÉPeloFlu feita pelo torcedor, foi você , MÁRIO BITTENCOURT! CHEGA! ESSAS SITUAÇÕES TEM QUE DESAPARECER DE UM COMANDO QUE SE DIZ PROFISSIONAL! NÃO REPITA o grupo político anterior que culpava diretamente os torcedores.
Contrate um novo diretor executivo para o futebol, que possa cobrar realmente dos jogadores e Comissão técnica, algo que hoje a imagem de que se tem aqui fora e que nada acontece.

Ainda dá tempo, presidente Mário Bittencourt.

“Os Danilos Barcelos que assolam o futebol brasileiro” – Opinião Thiago Caruso

“Os Danilos Barcelos que assolam o futebol brasileiro”

Nada contra o ser humano mas aqui nos cabe avaliar o jogador Danilo Barcelos. Um lateral esquerdo medíocre, que com 29 anos está indo para seu décimo segundo time na carreira.
Um lateral esquerdo cuja lembrança mais forte , foi o gol de falta que deu um título de uma taça Guanabara contra o mesmo Fluminense , no jogo onde o ex presidente Pedro Abad pediu a torcida para não ir ao Maracanã e abriram os portões no segundo tempo para os vascaínos.
Todo mundo sabe quem é Danilo Barcelos, segundo reserva do Botafogo , atrás até do possante Guilherme Santos, que foi um lateral esquerdo trazido por Mário Bittencourt em 2015 e que pediu para sair com 4 meses porque seria titular do Criciuma. Foi reserva do ORINHO na Ponte Preta.
Não deixou saudades no Vasco e no Botafogo seus últimos dois clubes até vir para o Flu. Mas porque seria útil no Flu ?

O futebol sempre nos apresenta surpresas. O Danilo Barcelos pode surpreender ? Pode mas isso é muito improvável. O que nos chama a atenção foi a paixonite do Odair Hellmann adquiriu por este jogador após dois amistosos contra o Botafogo e um jogo contra o rival pelo campeonato Brasileiro. Indicou ele ao diretor executivo Paulo Angioni, atravessou uma negociação com o Cruzeiro , dizendo que é um lateral diferente dos que tem no elenco.

Nos chama a atenção também a calma com que o presidente Mário Bittencourt falou hoje a imprensa e como o tricolor venceu essa disputa ferrenha contra o Cruzeiro que agoniza na Série B. Mario , com toda calma do mundo, falou que o Fluminense igualou as condições do Cruzeiro e mesmo assim, Danilo Barcelos achava mais interessante voltar a Minas Gerais já que seu pai é cruzeirense. Danilo pediu algo mais e o Fluminense aumentou o tempo de contrato para até o final de 2022 e assim venceu o Cruzeiro por está disputa. Dito isso vamos as nossas considerações.

1.Tá achando que o torcedor é trouxa, Mário Bittencourt? (para não dizer palavras mais pesadas). Não tinha um lateral na série B ? Nem no futebol sul americano? Os laterais do Volta Redonda, líder do seu grupo na Série C, por exemplo são melhores que os nossos, sem nenhuma dúvida. Tinha que ser o lateral do Eduardo Uram?

  1. Enquanto o senhor foi vice de futebol em 2015/16 , já havia sido questionado por essa relação infrutífera, porque a mantém?
  2. Um dos seus pilares na eleição foi falar em compliance. Que modelo de compliance é esse que permite contratar jogador de empresário que demanda contra o Fluminense ?
  3. A venda de Evanilson vai representar o fim da ação que a Brasil Soccer (de Eduardo Uram) tem contra o Flu no valor de R$3 milhões?

São vindas de jogadores como Danilo Barcelos que nos faz entender porque os clubes como o Fluminense estão na mão de empresários. Seja por um favor, por estar devendo e por aí vai.

Agradeço a Flu News por me dar essa oportunidade e aqui vocês podem ter certeza que não tem passada de pano. Vamos falar aquilo que o torcedor do Fluminense precisa saber.

Top